O novo ano só será diferente se realmente ousarmos sair da zona de conforto, pois nada se dá no plano da estagnação. Temos o costume de reclamar daquilo que queremos e não temos, isso é muito comum e para qualquer lado que olharmos iremos encontrar alguém insatisfeito.

Qualquer que seja a área de nossa vida que esteja causando insatisfação é preciso verificar quais são os aspectos que dependem de nossa ação, pois parece que buscamos algo mágico que nos faça acordar no dia seguinte felizes e realizados.

Vou usar de exemplo uma pessoa que quer perder peso, como eu trabalho há anos nessa área para mim é bem claro quais são os pacientes que não irão emagrecer facilmente, pois a mínima proposta de mudança é descartada pelos mesmos. Outro caso seria uma pessoa que busca um relacionamento harmônico, mas sempre escolhe pessoas comprometidas, o que mostra uma grande dificuldade em se entregar verdadeiramente a um relacionamento.

E assim eu posso citar vários exemplos, como aquela pessoa que quer subir de cargo na empresa, mas faz sempre tudo igual, uma outra que reclama do marido que a maltrata, porém mas não quer a separação, ou mesmo quem quer uma vida de luxo e não se esforça para poder se autossustentar.

Não posso deixar de mencionar que qualquer que seja a situação há diversos fatores que mantêm uma pessoa em um determinado lugar e isso deve ser levado em consideração, mas é preciso ficar claro que se tem algum entrave que o impeça de se sentir feliz e realizado é necessário que se busque meios para se fortalecer. O que não dá é para querer mudar a vida e nada fazer, por isso a minha proposta é te levar a uma reflexão.

– O que você fez de novo no seu trabalho no último ano? Fez cursos, leu livros relativos a sua necessidade de crescimento profissional?

– Como está a sua saúde? Enxaquecas, peso, problemas gástricos, costas, etc.? Já mudou a sua alimentação, buscou ajuda caso esteja com dificuldades em adquirir novos hábitos?

– E a atividade física? Hoje há diversas opções para que possa cuidar de seu corpo como aulas de dança, tênis, vôlei, yoga, skate, pilates, musculação, crossfit, corrida, etc. Com certeza algum das várias opções irá agradar você, mas precisa ter uma boa vontade consigo mesmo para tentar de verdade.

– E o relacionamento? Qual a sua parte para que tudo fique harmonioso? Muitas pessoas sempre apontam os defeitos do outro, querem que façam só o que querem, mas esquecem de que também precisam ser bons parceiros.

– Querem viajar, ter um apartamento, trocar de carro, mas para isso é preciso se esforçar, estudar, trabalhar e, em muitos casos, economizar.

A vida é um complexo sistema e será necessário muita boa vontade, coragem e determinação para alcançar objetivos. Cabe a nós buscarmos caminhos que tragam conforto, satisfação, segurança, sendo fundamental que cada um possa olhar para si mesmo, para a sua vida e se perguntar qual a parte que lhe cabe na realização daquilo que tanta reclama.