O jornal americano The New York Times está de olho na abrangência do mercado artístico brasileiro. Prova disso é a matéria publicada na edição de sábado (15) e alguns vídeos disponibilizados em sua plataforma digital, onde cita a aceitação de profissionais transgêneros como protagonistas na cena fashion e também na televisão.

Como exemplo, exibiu a rotina da modelo Carol Marra, que desde os 18 anos assumiu a identidade feminina e conquistou seu espaço no circuito fashion, protagonizando desfiles de Ronaldo Fraga, Victor Dzenk, Fernando Pires e da badalada Carolina Herrera.

Além disso, mostra os bastidores das gravações da série Segredos Médicos, produzida pelo Multishow e com estreia prevista para abril, da qual Carol é uma das protagonistas. “Descobri no set de gravação que minha paixão é realmente essa. Mais que ser modelo ou jornalista, eu quero ser atriz”, diz ela em depoimento ao jornal americano. Em uma breve conversa com este que vos escreve, a modelo revelou um sonho: “também quero atuar no cinema”.

Carol também será vista no elenco da série Psi, escrita por Contardo Calligaris e produzida pela HBO, que deve estrear ainda em março. No elenco estão atores famosos, como Claudia Ohana, Emílio de Mello e Otávio Martins.

A matéria cita outros exemplos, como Melissa Paixão, Camila Ribeiro e Felipa Tavares, que, numa proporção menor, também estão inseridas no mercado da moda.

Assista abaixo à entrevista de Carol Marra ao The New York Times: