Proesc.com fomenta e integra as atividades dos setores da escola como secretaria escolar, tesouraria, secretaria de educação, portal do aluno, diário eletrônico do professor, coordenação pedagógica, biblioteca e permite comunicação em tempo real com as famílias dos estudantes

 

Em 2004, o professor de matemática Lindomar Góes Ferreira, que ministrava suas aulas no Estado do Amapá, resolveu pensar em uma solução tecnológica para informatizar as suas atividades com o diário de classe em papel. Aprendeu a programar e criou, por conta própria, um diário de classe eletrônico para organizar informações sobre as aulas e os estudantes. A ideia deu tão certo que outros professores começaram a pedir o mesmo sistema. Até que Lindomar desenvolveu um módulo possível de escalar para muitos outros professores e também para escolas.

Juntando essa ideia e mais dois sócios, Felipe Ferreira e Elias José Teixeira, foi além e criou o Proesc.com (www.proesc.com), plataforma de gestão pedagógica para automatizar não apenas as atividades dos professores, mas também os demais setores da escola como secretaria, coordenação pedagógica, direção, entre outros. O negócio deu origem à startup InovaDados, que tem como foco o desenvolvimento de soluções tecnológicas para a educação.

O primeiro grande cliente foi o governo do Estado do Amapá. As escolas estaduais contratavam o sistema por conta própria, “chegamos a comercializar para 45 escolas. Em 2011, fechamos um contrato para atender todas as escolas do Estado, mais de 400”, comenta Felipe Ferreira, CEO da startup. Por ser uma plataforma on-line, o Proesc.com ganhou escala e, atualmente, está presente em mais de 2 mil instituições no Brasil, Portugal, Moçambique e Angola, beneficiando, aproximadamente, 240 mil alunos e mais de 33 mil professores. “Fomos reconhecidos em programas de destaque nacional de inovação como InovAtiva Brasil, MPE Brasil, Programa Primeira Empresa Inovadora – Prime/Finep, Prêmio Sebrae de Inovação”, comenta o CEO.

Um dos cases de sucesso do Proesc.com na área pública está na rede municipal de educação de Aracaju, capital de Sergipe. “Implantamos em um sistema dentro do conceito de cidades inteligentes. Os pais recebem SMS e e-mails sobre tudo o que diz respeito à educação de seus filhos. Desde faltas na escola até quando há vagas em creches, passando por realizar a matrícula on-line”, explica o executivo. Entre os resultados do projeto está o aumento no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) de Aracaju. Cada professor recebeu um tablet com plano de internet e com o aplicativo de diário eletrônico, possibilitando que o preenchimento seja mais rápido e eficiente do que quando o trabalho era feito no papel. “Os professores ficam menos sobrecarregados e podem se concentrar em ensinar”, diz o CEO. O prefeito também acompanha em tempo real os números sobre a educação na cidade.

Parte do time da startup InovaDados, criadora do sistema Proesc.com/Foto: Divulgação

Para a professora Rosemere Novaes, 48 anos, que dá aula para crianças de 6 e 7 anos na escola E.M.E.F. Professora Núbia Marques (rede municipal de Aracaju), o sistema agilizou bastante a questão das matrículas, excluindo as enormes filas formadas pelos pais na porta da instituição quando chegava este período. “Com o Proesc, a diretoria disponibiliza a quantidade de vagas no sistema e as matrículas podem ser feitas pelo celular ou computador. Quando os pais vão até a escola é só para levar os documentos, pois a matrícula já foi efetuada”, explica a professora.

Outro benefício apontado pela professora é que, com a tecnologia, “os pais vão para a escola com tudo certinho. No momento de levar a documentação não tem mais aquilo estar com algum documento errado ou esquecer de levar outro. Com a matrícula on-line o pai já sabe o que vai levar”.

A professora usou o diário eletrônico anteriormente na mesma escola, em 2014. A previsão é que algumas escolas de Aracaju comecem a utilizar o sistema no segundo semestre de 2018, e as demais escolas, no início de 2019.

Hoje aperfeiçoado, o Proesc.com fomenta e integra as atividades dos setores da escola como secretaria escolar, tesouraria, secretaria de educação, portal do aluno, diário eletrônico do professor, coordenação pedagógica, biblioteca, lotação de professores, ambiente virtual do professor, boletim de notas online, censo escolar e estatísticas, além de se adaptar de forma personalizada à necessidade de cada instituição.

A plataforma dinamiza atividades diárias dos gestores, secretários, coordenadores, financeiro, professores e outros setores das instituições de ensino públicas e privadas, que podem ser tanto creches, colégios e faculdades quanto escolas de cursos livres como idiomas, música, dança, entre outros. “Otimizamos atividades pedagógicas, acadêmicas, administrativas e financeiras. A tecnologia permite também, por exemplo, o cadastramento de todas as escolas de uma rede de ensino no mesmo sistema, com administração individual de cada unidade, mas integradas para o gerenciamento centralizado por parte das Secretarias de Educação”, afirma Felipe Ferreira.

Relação Família X Aluno X Escola

De acordo com Felipe Ferreira, CEO da srtartup, o Proesc auxilia os pais, escolas e alunos dando mais facilidade para suas rotinas e aproximando a família do processo de ensino-aprendizagem. Por meio do aplicativo ou do portal do aluno, a ferramenta permite que os pais façam o acompanhamento do desempenho de seus filhos e visualizem os conteúdos que estão sendo trabalhados em sala de aula, acessem as notas, frequências, registros de entradas e saídas, situação financeira, façam requerimento de documentos e muito mais. “O Proesc proporciona essa aproximação, pois os pais passam a ter um melhor acompanhamento do desempenho dos seus filhos e também facilita a comunicação da família com as áreas acadêmica e pedagógica da escola”, explica.

Lyllian Michele de Brito, 36 anos, corretora de imóveis e mãe da aluna Laura Manuella, de 2 anos, que estuda na rede pública de Aracaju, relata que antes da implantação do sistema a questão das filas para a realização dos filhos nas escolas era humilhante. “A matrícula online foi bem esperada. Nós ficamos bem ansiosos, porque estamos acostumados a enfrentar filas. Este ano decidi transferir minha filha da escola particular para a pública, era minha primeira vez a utilizar um colégio municipal e estava muito apreensiva nessa questão de enfrentar filas. Com o aplicativo, nós pudemos ter a visualização das escolas, o endereço e que dia iria começar as matrículas. Peguei vários endereços e comecei a visitar as escolas para saber qual seria mais interessante para mim e para minha filha, claro. Quando foi na data e na hora, o sistema abriu e fizemos o cadastro já com a pré escolha. Em nenhum colégio teve filas. O caminho é a tecnologia. O aplicativo para a matrícula online facilitou muito. Inclusive, para fazer transferência também de um ano para o outro, você não precisa mais solicitar uma declaração e esperar 30 dias. Tudo é feito pelo sistema. Então, facilita muito”, comenta a corretora.

Lyllian Michele de Brito, mãe de aluna: “tudo é feito pelo sistema. Então, facilita muito”/Foto: Divulgação

A professora Rosemere Novaes destaca que com a ferramenta é possível ter um histórico do aluno e uma comunicação mais direta com os pais, “se o aluno passou mal, se teve uma boa intercorrência em relação ao comportamento, se teve algum problema de saúde, o sistema registra tudo isso imediatamente. Quando o aluno não vem para a escola, a família recebe logo uma mensagem pelo celular e isso ajuda bastante. Os pais ficam mais atentos a isso, com a presença dos filhos na escola”.

Felipe Ferreira comemora o fato de a solução ter se tornado referência na região Norte, realizando o nosso sonho de ver o Amapá exportando tecnologia para o mundo. “E não queremos sair de Macapá. A gente quer inspirar e servir de referência para novos negócios na nossa região. Mostrar que é possível fazer a diferença de onde estamos.” O empreendedor, de 28 anos, destaca o engajamento da equipe de 17 pessoas por saber o quanto impacta positivamente a vida de gestores, professores, alunos e famílias. “É mais do que um negócio. Nosso foco é revolucionar a gestão da educação no Brasil”.

Comentários e sugestões de pauta devem ser encaminhados para os e-mails familiaplural@estadao.com e familiaplural@gmail.com

Acompanhe a gente também no Facebook: @familiaplural