Em uma recente reportagem de Aline Scherer a respeito da “Química da Mente Produtiva”, ela cita justamente pesquisas que revelam que a chave de sucesso para um ótimo desempenho profissional e de criatividade é a existência de um ambiente harmônico e “psicologicamente seguro”.

Isso significa um ambiente em que as pessoas se sintam aceitas como são, possam aprender a se conhecer cada vez melhor, bem como suas potencialidades, e não sofram constantes críticas e imposições pelo medo. Em um espaço com essas características, as pessoas tendem a se tornar altamente criativas e inventivas.

Focar no positivo, tanto em adultos como crianças, no âmbito familiar, escolar ou de trabalho, faz com que sejam liberados no cérebro hormônios do prazer como oxitocina, dopamina e serotonina. Esses, por sua vez, geram uma motivação interna, uma alegria, que melhoram a comunicação, o interesse em aprender e a sociabilidade, em um “looping” positivo de convivência e desenvolvimento sócio emocional.

 

Como o ambiente positivo pode ajudar no aprendizado da criança

Quando professores elogiam seus alunos no que fazem bem, estes desencadeiam hormônios que também ajudam no foco, na memória e na disposição de assumir riscos.

Um ambiente no qual as pessoas buscam a verdade, procuram ser sinceras, é um substrato ideal no qual elas podem confiar umas nas outras e daí desenvolvem autoconfiança e segurança psicológica.

Já pelo contrário, crianças que se sintam inseguras em casa ou na escola podem liberar doses maiores de cortisol e adrenalina na direção da defesa que afetam seu centro de pensamento cerebral e podem gerar um bloqueio às informações, a estímulos e até ao próprio aprendizado.

Daí a grande necessidade de uma educação no positivo e da autoestima já mencionada em outros artigos dada sua importância.

Crianças que se conhecem e têm uma boa imagem de si mesmas podem ser mais ativas, curiosas e capazes de superarem dificuldades e frustrações. Quando não sabem algo, em vez de ficarem abaladas, pedem ajuda e não desistem.

10 dicas para proporcionar um ambiente harmônico e positivo para seus filhos:

  1. 1. Sempre dizer a verdade
  2. 2. Confiar na criança que ela é capaz
  3. 3. Elogiar o que faz bem
  4. 4. Evitar julgamentos e rótulos
  5. 5. Evitar projetar expectativas e testar
  6. 6. Evitar comparar com os outros
  7. 7. Mostrar que também erramos, mostrar-nos como somos sem colocar máscaras
  8. 8. Usar o subconsciente a nosso favor: dar atenção quando estiver se comportando bem
  9. 9. Dedicar tempo, doar-se
  10. 10. Ter um projeto educativo claro: com poucas regras, realistas e essenciais.

 

Curta a nossa Fan page: https://www.facebook.com/educarparafelicidade/