Conhecer o temperamento dos filhos ajuda na missão de educar. Dessa forma, os pais podem educá-los melhor, o que não significa mudar seus temperamentos, mas ajudá-los  a se desenvolver.

É importante saber propor objetivos concretos e realistas apoiando-se nos pontos fortes do filho. Vamos ver quais objetivos e metas podemos colocar para filhos com temperamento sentimental.

Quem tem temperamento sentimental é emotivo, inativo e secundário (processa suas reações antes de manifestá-las).

Tem temperamento mais retraído e procura ficar sozinho.

Não gosta de mudanças e é bastante sensível; sofrimentos e broncas podem marcá-lo profundamente.

É  bastante dócil e tende a ser indeciso por ter medo das consequências de suas ações.

A honestidade e a sinceridade são marcas de quem tem esse tipo de temperamento.

Como motivá-lo?

Proporcionar um ambiente de afeto na família e na escola, mas sem exageros de suavidade.

Ajudá-lo a tomar pequenas decisões; não deixar que pense nos fracassos e que fique relembrando situações negativas.

Incentivá-lo a praticar esportes e a participar de atividades, evitando o ócio.

Potencializar sua sensibilidade e docilidade para o positivo.

Na próximo artigo falarei sobre filhos com temperamento colérico.