O destino português oferece experiências de alto padrão para os viajantes mais exigentes (Foto: Divulgação)

E aí, beleza?

Famosa por suas paisagens naturais, muito diferentes daquelas encontradas no restante de Portugal, a região da Madeira é um destino espetacular e que merece ser visitada na sua próxima ida ao país. O arquipélago está localizado em meio ao Oceano Atlântico, distante cerca de 1h30 de voo a partir de Lisboa.

Recentemente, a Madeira conquistou pela oitava vez o título de “Melhor Destino Insular da Europa”, anunciado na 28ª edição dos World Travel Awards, o mais importante prêmio da indústria do turismo internacional. O destino português venceu a votação entre outras 11 ilhas que também participavam nesta categoria, sendo elas: Açores, Ilhas Baleares e Canárias (Espanha), Creta e Cíclades (Grécia), Chipre, Guernsey e Jersey (Ilhas do Canal), Malta, Sardenha e Sicília (Itália).

Com uma infraestrutura turística excelente, continua sendo um dos destinos mais seguros para se visitar na Europa, com baixíssimos números de casos de covid-19 e boa taxa de vacinação da população. No desembarque, é necessário apresentar um exame PCR negativo, feito até 72 horas antes da viagem, ou optar por fazer o teste na chegada, gratuitamente, e aguardar o resultado no hotel. Viajantes vacinados podem apenas apresentar a comprovação do ciclo completo de vacinação.

Este paraíso ainda tem atrações que permitem um maior contato com a natureza, uma tendência para as viagens da retomada. São florestas, falésias, praias, cidades, montanhas, jardins e reservas naturais, que demonstram toda a diversidade de ambientes inacreditáveis do destino. Por isso mesmo, deixe os seus cinco sentidos aflorarem e tenha uma viagem ainda mais marcante pela fabulosa Ilha da Madeira. Confira a lista do que não pode faltar no seu roteiro:

Carros de Cesto, uma das atrações mais famosas do Funchal (Foto: Divulgação)

AS EXPERIÊNCIAS

Funchal, onde tudo acontece

A capital do arquipélago é também seu principal centro turístico, comercial e cultural. Situada na costa sul da ilha, em uma baía banhada pelo oceano, esta cidade de quase 600 anos tem um pouco de tudo. Há um centro histórico charmoso e interessante, belos parques, jardins e restaurantes maravilhosos. O turista ainda pode curtir cafés ao ar livre, bares e vistas incríveis, já que a cidade tem o formato de anfiteatro.

Comece sua visita pelo Mercado dos Lavradores, um espaço público dinâmico que atrai não só turistas, mas também a população local, em busca de frutas tropicais, legumes e verduras frescos, carnes e peixes, e claro, deliciar-se com a gastronomia local em pequenas “bancas”.

Caminhe em direção ao teleférico e suba até o bairro do Monte, de onde terá vistas fabulosas da ilha. Diz o ditado que para descer todo santo ajuda, mas a descida nos Carros de Cesto pode ser muito mais divertida. Uma das atrações mais famosas do Funchal, esse tradicionais e tão típicos ‘carrinhos’ são produzidos artesanalmente com vimes, madeira e dispõem de dois a três lugares, sentados. São conduzidos e controlados por dois ‘carreiros’ trajados a rigor, vestidos de branco e com chapéu de palha na cabeça. Estes, com habilidade e perícia, utilizam as grossas solas de borracha das suas botas como ‘freio’ durante uma viagem, de pura adrenalina e emoção.

A descida decorre num percurso de cerca de 2 km e leva cerca de 10 minutos, proporcionando momentos de pura emoção. Imperdível!

Fazer uma ‘levada’ é uma experiência única dentro da Floresta Laurissilva (Foto: Divulgação).

Fazer uma levada

Já imaginou fazer uma trilha numa floresta tropical com cerca de 20 milhões de anos? A Floresta Laurissilva é um dos mais belos tesouros naturais do mundo e considerada Patrimônio Natural da Humanidade pela UNESCO. Ocupando cerca de 20% do território da ilha e, como o seu ecossistema úmido, todo o lugar é coberto de musgos, enquanto orquídeas da serra, gerânios cor-de-rosa e os massarocos colorem o cenário de violeta. Além da vegetação verdinha e suas árvores frondosas e imponentes, o local tem a trilha do Caldeirão Verde, situada no Parque Florestal das Queimadas, e um lago formado por uma queda d’água de cerca de 100 metros. As ‘levadas’ são sistemas de irrigação extraordinários construídos ​​no século XVI para levar a água da costa norte para a costa sul. Atualmente, existem cerca de 16 km destes “caminhos” na Madeira. A verdade é que você pode caminhar nesta ilha por toda a parte. Enquanto estiver na Madeira, não pode perder esta experiência exótica e única! As levadas são realmente uma experiência inesquecível: seguir os caminhos que levam as águas que abastecem a ilha é algo único, revigorante e cheio de surpresas. A Madeira Adventure Kingdom tem experiência nestes passeios e fará a sua experiência ainda mais divertida e especial.

Ver o nascer do sol no Pico do Areeiro

Não há caminhada de montanha mais emocionante na Madeira. Este caminho de montanha liga as três montanhas mais altas do arquipélago, a cerca de 1818 m acima do nível do mar. Um lugar para estar acima das nuvens… a vista dos cenários do maciço central da ilha é impressionante e lá é possível iniciar um dia completo de atividades: a começar assistindo o nascer do sol e se aventurando em uma emocionante trilha até o Pico Ruivo, este sim o mais alto do destino. Faça um jeep tour com a Discovering Madeira e conheça essa região como um local!

Porto Santo possui extensos areais dourados que lhe renderam o apelido de Ilha Dourada (Foto: Divulgação)

Passar um dia nas praias paradisíacas de Porto Santo

A outra ilha habitada do arquipélago tem paisagens bem diferentes da sua vizinha: possui extensos areais dourados que lhe renderam o apelido de Ilha Dourada, já que percorrem praticamente toda sua costa sul e se unem ao mar azul-turquesa. O clima é ideal para passar o dia todo na praia, relaxando, e curtindo a vista e a areia, que tem propriedades terapêuticas comprovadas. A água do mar de Porto Santo também é usada em tratamentos de talassoterapia, devido às quantidades elevadas de estrôncio, crômio e iodo, elementos benéficos para a saúde. Inclua na sua visita um jeep tour pela Ilha com uma empresa local e super cuidadosa nos detalhes, a Lazer e Mar.

Para relaxar, o quiosque Tia Maria é uma opção de beach club genuíno, com pé na areia, gente bonita, comida maravilhosa, boa música e imperiais (chopp) bem geladas.

Passeio de Catamaran privado com Chef a Bordo

Passeios para observar golfinhos e baleias são muito comuns na Madeira. Isso porque esses animais costumam aparecer com facilidade e em grupos ao redor da ilha, e é possível vê-los nadando, saltando e brincando. No barco, um biólogo marinho que acompanha o grupo conta um pouco mais sobre os hábitos destes cetáceos incríveis.

Para quem quer avistar os cetáceos, mas prefere um passeio mais exclusivo, a bordo de um catamarã de luxo, a dica é fazer um tour com a VIP Dolphins. Entre os serviços que eles oferecem estão: champanhe, chef a bordo, registro fotográfico, Wi-Fi e muito mais, tudo incluído. E caso o turista não consiga avistar nenhum animal marinho, eles oferecem uma segunda viagem gratuita.

A Madeira e a Moda

O bordado madeirense está presente na ilha desde o seu povoamento, no século XV. Este conhecimento é passado de geração em geração até aos dias de hoje. É no final do século XIX que esta arte é reconhecida, comercializada e exportada. O rigor, a paixão e a técnica, inerentes à produção do Bordado Madeira, contam já com cerca de 150 anos de história e tornou-se um patrimônio cultural. Há cerca de 100 anos contavam cerca de 50 mil bordadeiras e bordadeiros de todas as idades na ilha.

Durante décadas esta arte fez parte do quotidiano das famílias da ilha da Madeira. E hoje, um pouco por toda a ilha, ainda podemos encontrar as mulheres do bordado que repetem os pontos com muita dedicação e emoção. São horas a fio, cobrindo as linhas azuis estampadas no algodão, linho ou organdy criando peças de altíssima qualidade e beleza. Até chegar à uma colaboração com a global Chanel, em 2015, na criação de 11 desenhos de golas com Bordado Madeira para a sua coleção Primavera/Verão.

Na Bordal, é possível conhecer e experienciar a vida por detrás do Bordado da Madeira. Vale a pena uma visita para se encantar com esse trabalho artesanal, passado de geração em geração.

O Cliff Bay tem uma localização ímpar, no alto do penhasco bem de frente ao mar (Foto: Divulgação)

ONDE FICAR

The Cliff Bay by Porto Bay

Com uma localização ímpar, no alto do penhasco bem de frente ao mar incansável e mágico da Madeira, esse hotel cinco estrelas não passa despercebido no centro do Funchal. A vista dos quartos fala por si: a beleza do azul incansável do mar, a atenção aos detalhes da equipe do hotel, o acesso direto ao mar, o restaurante Il Gallo d’Oro com 2 estrelas Michelin, os jardins com inúmeros recantos e palmeiras seculares, completam o quadro com a magnífica vista para a baía.

Se quiser nadar no mar aberto, a experiência é única: a temperatura média da água varia entre 17oC e 22oC ao longo do ano. Aqui, tudo é ual: a vista, a beleza do resort, as piscinas deslumbrantes e claro, a sensação de estar conectado com a natureza. Os quartos são espaçosos, muito bem decorados e equipados… mas quem é que num destino deste vai para passar muito tempo dentro de um quarto de hotel, não é mesmo?!

Não deixe de marcar uma massagem no completíssimo spa do hotel. Entregue-se com confiança nas mãos dos terapeutas, que oferecem sempre um serviço personalizado e atencioso ao cliente para uma experiência profunda e relaxante para a mente, corpo e espírito.

Savoy Saccharum Resort & Spa é considerado o ‘Melhor Resort Insular da Europa’ (Foto: Divulgação)

Savoy Saccharum

 Localizado na Calheta – um bairro mais afastado do centro e extremamente calmo –, o Savoy Saccharum Resort & Spa foi premiado com o título de “Melhor Resort Insular da Europa”, recentemente.

É um dos hotéis mais instagramáveis da ilha, principalmente pela sua piscina de borda infinita, pela beleza da sua arquitetura e claro, pelo serviço impecável e pelas experiências de bem-estar personalizadas para cada hóspede.

O hotel ocupa um antigo engenho de açúcar – daí seu nome, Saccharum, que é o nome em latim para a cana-de-açúcar – e conta com uma decoração contemporânea, usando a cana-de-açúcar como principal elemento de inspiração no seu design. Dispõe de dois restaurantes (Alambique e Engenho), e são ambos dedicados à gastronomia portuguesa e mediterrânea.

Sobre as experiências de bem-estar, o Saccharum tem um belíssimo spa, com sauna, jacuzzi e piscina aquecida. Obrigatório é fazer uma das massagens de assinatura, que têm como mote a cana-de-açúcar, é claro!

ONDE COMER

Restaurante Avista

The Wanderer

Quinta do Furão

Hotel AquaNatura

Alambique by Savoy Saccharum

Socalco

The Dinning Room by Quinta da Casa Branca