Crédito: Rede Peteca – Chega de Trabalho Infantil. Tiago Queiroz

O Fórum Paulista de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (FPPETI) promove plenárias mensais sobre diversos temas relevantes, no Auditório do Ministério Público do Trabalho em São Paulo (MPT-SP). O próximo assunto será “Educação Antirracista e o Trabalho Infantil”, em um evento no dia 25 de novembro, a partir das 14 horas.

O encontro é aberto para qualquer pessoa que quiser participar. Geralmente estão presentes também representantes de órgãos governamentais e não governamentais, além da sociedade civil. Ao fim da conversa, todos os presentes têm direito a fala, se tiverem interesse.

A iniciativa tem bastante relação com o trabalho que a Doutora Elisiane Santos, procuradora do Trabalho do Ministério Público do Trabalho de São Paulo (MPT-SP), vem desenvolvendo em relação às temáticas do racismo e trabalho infantil.

Ao lado dela, farão parte da mesa Helena Oliveira, chefe do escritório do UNICEF Brasil em Salvador, Daniel Teixeira, advogado e Diretor de Projetos do Centro de Estudos das Relações de Trabalho e Desigualdades (CEERT), a educadora Rosana de Oliveira Nascimento, Cibele Araújo Racy Maria, ex-diretora da Emei Nelson Mandela e Marina Basques – Coordenadora pedagógica da Emei Nelson Mandela.

Sabemos que o trabalho infantil tem cor no Brasil. As crianças negras representam 62,7% da mão de obra precoce no país. Quando se trata de trabalho infantil doméstico, esse índice aumenta para 73,5%, sendo mais de 94% meninas. Os dados revelam a também relação entre o trabalho infantil e a escravidão inacabada.

Para saber mais sobre o assunto, participe do evento!

Quando: 25 de novembro, a partir das 14h

Onde: Auditório do Ministério Público do Trabalho de São Paulo. Rua Cubatão, 322, terceiro andar, Paraíso.

Inscrições gratuitas: http://servicos.prt2.mpt.mp.br/informe-se/eventos/inscricao.php?id=75