Lounge do Asia, mix de restô e disco

Ao entrar no Asia, chama atenção o lounge com uma nova cama tailandesa, que exibe futon e almofadas em cores fechadas. O restaurante paulistano completa 5 anos em outubro e repaginou a decoração para mais uma temporada. O bar da temakeria, por exemplo, recebeu balcão de madeira e mármore, além de haver novas luminárias de bambu. Antes escurecido, o piso de madeira volta ao aspecto natural. O autor é Luiz Bessa, um dos quatro sócios da casa, que também assina a arquitetura. Ele faz uma leitura tropical do Oriente, com direito a palafitas e muito eucalipto reaproveitado ou de reflorestamento. “Embora meus amigos achem que é a cara do Japão, o lago com carpas, sob o sushibar, me faz lembrar Angra dos Reis”, diz o arquiteto, numa lógica particular, admirador que é de outro profissional brasileiro: Claudio Bernardes, morto em 2002.
À noite, a iluminação com velas dá ares mais sedutores ao lugar. De vez em quando, um aromaterapeuta passa pelo salão principal, ao lado, a borrifar cheirinhos, que não chegam a atrapalhar o paladar. O destaque no cardápio de culinária japonesa contemporânea, desenvolvido por Ângelo Jodai, são as Ousadias do Sushiman: o cliente se entrega a uma seleção surpresa de sashimis e sushis, alguns novidadeiros. Há ainda uma concorrida disco. Na próxima quinta, o dj Maurício recebe, para a balada, o amigo Felipe Venâncio. Boa pedida para quem busca, acima de tudo, entretenimento. Praça Procópio Ferreira, s/n, Brooklin, tel. (11) 5506-4903.