Você pode dizer que não gosta de seguir os padrões da moda, porém, mais cedo ou mais tarde vai aderir a alguma referência. Sabe por que isso acontece? Por que apesar de acharmos que somos únicos e temos vontades próprias, o desejo de pertença é mais forte. Precisamos nos reconhecer e ser reconhecidos, precisamos integrar grupos, mesmo que carreguemos conosco algumas pequenas diferenças que dão o tom da nossa personalidade.

E, assim, a moda tem funcionado por fluxos que se alteram em períodos de até 2 anos. Por isso, está na hora de conhecer (ou rever, já que algumas referências perduram) os principais cortes de cabelos que são as apostas para 2016.

Conversei com o cabeleireiro João Furtado, do Red Salon Homem, primeira rede de salões masculinos do Brasil, que nos deu algumas dicas das tendências para eles.

Barba com coque samurai: a febre entre as celebridades se mantém em 2016 e vai ganhar as ruas de vez nesse verão. O visual continua com a nuca bem raspada e grandes coques na parte superior. A barba deve ser mais marcada (baixinha). Mantenha aqueles cuidados básicos com a barba e escolha um desenho mais adequado ao seu formato de rosto.

Foto: Divulgação

Topete com californiana: àqueles que não querem ou não podem aderir ao visual samurai há outra opção: continuar arrepiando o topete e raspando as laterais. Esse corte é chamado de Pompadour e, talvez por influência do ícone de moda Mariano Di Vaio (foto), esteja tão em voga. Mas, para ficar com um visual mais moderno e cara de verão, as luzes californianas (bem discretas) prometem ser a novidade no corte.

POMPADOUR

Corte Pompadour de Mariano Di Vaio, modelo e blogueiro.

Undercut com franja: o famoso corte com as laterais e nuca batida e o topo do cabelo mais alto já vem ensaiando sucesso desde o ano passado e promete vingar dessa vez. É um corte que exige um pouco mais de manutenção, mas fornece um visual elegante e charmoso. A principal diferença é que o undercut 2016 deve ter as laterais mais altas e uma franja maior, podendo ser penteada para trás do tipo engomado (igual do cantor Matteus) ou simplesmente bagunçada (estilo Bruno Gagliasso) ou amarrada estilo rabo de cavalo.

Bruno Gagliasso para campanha da Mash Foto: Gabriel Felix/Divulgação

Flat tops – para os cabelos afros é a principal aposta, especialmente se virem acompanhados de barbas dando um visual moderno e antenado. João Furtado afirma que esse corte não é fácil de executar e que vai necessitar de manutenção pelo menos a cada 20 dias, por isso, procure um bom salão.

Modelo no desfile da marca Neil Barrett SS15 Foto: Virginia Arcaro/Divulgação