Record, RedeTV! e SBT anunciam que deixarão a TV paga

- O Estado de S.Paulo

Comunicado foi levado ao ar na última sexta-feira, 24; de acordo com as emissoras, as operadoras NET, Claro, Embratel, Vivo e Sky se recusam a negociar os direitos de transmissão

Emissoras de TV aberta não entram em acordo com operadoras de TV paga

Emissoras de TV aberta não entram em acordo com operadoras de TV paga Foto: Pixabay

Na última sexta-feira, 24, Record, RedeTV! e SBT anunciaram que deixarão de exibir suas programações na TV paga. Detentoras de grande parte da audiência da TV aberta, as emissoras não entraram em acordo com NET, Claro, Embratel, Vivo e Sky. As empresas não querem mais fornecer gratuitamente seus sinais digitais para as operadoras.  

A decisão, tomada pela Simba, união das três empresas, valerá a partir da próxima quarta-feira, 29 – mesmo dia em que o sinal analógico será desligado em São Paulo.

Apesar de a notícia ter pego muitos telespectadores de surpresa, o imbróglio vinha se arrastando há algum tempo, como mostrou uma matéria do Estadão de 2015.

"Estas empresas se recusam a negociar os direitos de transmissão com Record TV, SBT e RedeTV, ao contrário do que já fazem com grupos estrangeiros e até com outras emissoras nacionais", dizia a mensagem levada ao ar.

Se a resolução entrar mesmo em vigor, os telespectadores terão acesso aos canais apenas via TV aberta, por meio do conversor digital.