Protagonista 'chata' faz Netflix cancelar a série 'Girlboss'

Redação - O Estado de S.Paulo

Trama teve apenas uma temporada e rendeu diversas críticas à plataforma de streaming

Cena da série 'Girlboss'

Cena da série 'Girlboss' Foto: Karen Ballard / Netflix

Mais uma série acaba de ser cancelada pela Netflix: Girlboss.

Lançada em abril deste ano, a trama acompanhou a vida real de Sophia Amoruso, uma jovem empreendedora que construiu um império virtual com sua loja de roupas vintage.

O cancelamento se deu pelo fato de a personagem Sophia, interpretada pela atriz Britt Robertson, ser bastante criticada nas redes sociais. O público avaliou a garota como uma pessoa desagradável, problemática, mimada e histérica.

A verdadeira Sophia Amoruso não gostou da reação da crítica e do público, e logo foi ao Instagram para detonar quem a havia criticado.

"Por mais que eu esteja orgulhosa do trabalho que fiz, estou ansiosa para controlar minha própria narrativa daqui pra frente. Viver minha vida como uma caricatura foi difícil, mesmo que por apenas dois meses. Sim, eu posso ser uma pessoa difícil. Mas não, não sou uma idiota. Vai ser legal poder contar, um dia, a história real do que me aconteceu nos últimos anos", disse.

Girlboss é a primeira comédia original cancelada pela Netflix. Só neste ano, a plataforma de streaming anunciou o fim de Sense8, The Get Down e Marco Polo.