Produtor de 'Doctor Who' se irrita com repercussão de personagem gay: 'Sem sentido'

Redação - O Estado de S.Paulo

'É o nível mínimo de representação que deveríamos ter na televisão', disse Steven Moffat

Steven Moffat

Steven Moffat Foto: Reuters / Mike Blake

Após a divulgação de que Bill, a nova companheira fixa do personagem-título da série Doctor Who, será abertamente homossexual, o produtor da série, Steven Moffat, demonstrou insatisfação com a repercussão que o caso vem dando.

De acordo com o site Mashable, durante uma coletiva no lançamento da nova temporada, Steven comentou que não imaginava que haveria tamanho rebuliço com a informação: "E, de uma certa forma, não deveria haver. É meio sem sentido. Apenas para ser claro - venho dizendo bastante isso hoje - nós não estamos esperando nenhum tipo de salva de palmas por isso".

"É o nível mínimo de representação que deveríamos ter na televisão, e a reação correta deveria ser: 'Por que demoraram tanto?'", concluiu.