Inspirado em ex-funcionária da Casa Branca, 'Scandal' traz jogadas políticas

O ESTADO DE S. PAULO - O Estado de S.Paulo

Trama narra história de consultora de comunicações que gerencia crises

Foto: Divulgação

Quando a ex-Consultora de Comunicações da Casa Branca Olivia Pope, protagonista da série Scandal, decide abrir uma empresa de gestão de crises, pessoas das mais altas esferas da sociedade americana recorrem aos seus serviços para manter ocultas verdades comprometedoras e preservar suas imagens. 

Para cumprir as missões e salvar seus clientes, a protagonista interpretada por Kerry Washington precisa se utilizar de artifícios ilegais. Apesar de ser a melhor em resolver os problemas de políticos e poderosos, ela não parece ser capaz de lidar com seus próprios revezes. 

Olivia Pope é inspirada em Judy Smith, ex-assessora de imprensa de George W. Bush, que é uma das produtoras e a personalidade por trás do blog ‘What Judy Would Do?’, em que comenta cada episódio. 

Após estrear em 2012 e receber críticas positivas e prêmios, a série criada por Shonda Rhimes recebeu cinco temporadas e já tem confirmada uma sexta a caminho.

Assista a 'Scandal' na Netflix!