Batoré diz que atores de ‘Velho Chico’ não se importaram com a morte de Domingos Montagner

Redação - O Estado de S. Paulo

‘É como se nada tivesse acontecido’, disse humorista no 'Programa do Gugu'

Batoré se emocionou ao falar da morte de Domingos Montagner

Batoré se emocionou ao falar da morte de Domingos Montagner Foto: Divulgação / Record TV

No próximo Programa do Gugu, da Record TV, que vai ao ar às 22h30 desta quarta-feira, 1º, o humorista Ivan Gomes, conhecido pelo personagem Batoré, desabafou ao dizer que alguns colegas da novela Velho Chico, da Globo, desprezaram a morte do ator Domingos Montagner, que faleceu ano passado em acidente no Rio São Francisco durante as gravações da trama.

"Tinha gente ali que não…”, disse Batoré, emocionado, sem completar a frase. “É como se não tivesse acontecido nada, cara. Gente que ele fazia questão de cumprimentar todo dia, de beijar o rosto e... piadinha, piadinha nessa hora não é bem-vinda. ‘Ah, gente, morreu, vamos... já morreu...’ ‘Não, espera aí, é um pai de família’.”

O artista revelou também os bastidores do dia da morte de Montagner e afirmou que jantou com o ator, Camila Pitanga e Lucy Alves na noite anterior. "Eles até falaram que iam tomar banho no rio no dia seguinte depois da gravação e tal. Me chamou... Era comum (que os atores nadassem no rio), mas em um local que não tinha pedras. E onde o Domingos foi com a Camila...", contou.

Batoré relatou que, após gravarem e trocarem de roupa, Camila Pitanga e Montagner foram para a praia. "Almoçaram, e ele foi entrar na água”, disse Batoré. “Eu acredito que foi congestão, mas onde o Domingos faleceu, ali morreram 64 pessoas, chamam de guela. É um redemoinho que tem, porque a água desce da represa, numa velocidadee muito grande, então tem muitas pedras, e a água faz aquele redemoinho."