Vaidade masculina

Jorge Grimberg - O Estado de S.Paulo

Novo espaço focado em tratamentos estéticos para homem ressalta o potencial do segmento em São Paulo

Rodrigo Santoro, David Beckham e Cauã Reymond representam o ideal masculino de beleza

Rodrigo Santoro, David Beckham e Cauã Reymond representam o ideal masculino de beleza Foto: Reprodução

O homem está evoluindo. Mesmo com um certo constrangimento em buscar produtos e serviços estéticos, os números comprovam o crescente interesse do sexo masculino por tratamentos de beleza. Segundo a Associação Brasileira de Clínicas e Spas, o homem já é responsável por 30% do movimento nos estabelecimentos do Brasil. Além disso, uma interessante pesquisa realizada pela revista norte-americana New York Observer apontou que durante a madrugada, a busca por vídeos tutoriais de beleza masculina na internet cresce cada vez mais. Eles querem saber como usar secador, remover espinhas, tirar manchas de sol e gordura localizada. 

Com mais de 30 anos de experiência, a dermatologista Valéria Marcondes, especializada em cosmetologia, vê uma grande oportunidade surgindo com a nova vaidade masculina. A Dra Valéria atende seus clientes em uma charmosa casa, com design original do início do século XX, no Pacaembu, na Zona Oeste de São Paulo. Reconhecida por atender o público feminino do bairro de Higienópolis, faz alguns anos que Valéria flerta com o mercado masculino. 

A dermatologista Valéria Marcondes no novo espaço focado no público masculino 

A dermatologista Valéria Marcondes no novo espaço focado no público masculino  Foto: Jorge Grimberg

Recentemente, Valéria criou um espaço com identidade visual própria, salas de espera exclusivas e tratamento, além de médicos voltados para os homens. “Os tratamentos específicos para o público masculino são muito diferentes dos tratamentos para a mulher. Eles querem tudo rápido e indolor. Não querem mudar e não querem que ninguém perceba que fizeram algo no rosto”. 

Segundo uma pesquisa recente do Sebrae, empresários que buscam dar 'cara de homem' a seus negócios conseguem crescimento contínuo pois o consumidor masculino evita frequentar ambientes femininos. “Para cativar o público masculino, nossa estratégia é privacidade e sigilo. O cliente quer um ambiente discreto e quer sair daqui sem roxos no rosto. E o mais importante, ele não quer sentir dor”, afirma Valéria.