Setembro é o mês mais importante para as revistas de moda dos Estados Unidos, entenda por que

Marília Marasciulo - O Estado de S.Paulo

Por tradição, este é o número que marca o início de um novo ano e de mudanças no guarda-roupa; veja fotos das principais capas

A capa da Vogue na edição de setembro é a cantora Beyoncé, clicada por Mario Testino

A capa da Vogue na edição de setembro é a cantora Beyoncé, clicada por Mario Testino Foto: Reprodução

As edições de setembro das revistas de moda americanas são consideradas as mais importantes. Não que as dos outros meses não sejam, mas no hemisfério norte setembro marca o início de um novo ano escolar, e aí a máxima "ano novo, guarda-roupa novo" impera.

Tudo é escolhido com cuidado dobrado, da capa - a estrela deve ser um nome de peso e com algum significado para a moda - até o número de anúncios. Por isso, costumam ser também as edições mais volumosas em páginas, tanto de conteúdo quanto de publicidade. Confira na galeria as capas das principais revistas de moda dos Estados Unidos.

A tradição ficou mais conhecida após o documentário "A Edição de Setembro", de 2009, que conta os bastidores da produção da edição de setembro da Vogue em 2007, sob o comando da temida editora-chefe Anna Wintour.