Blogueira usa look 'em homenagem aos escravos' em festa de gala

Redação - O Estado de S.Paulo

Internautas criticaram a produção de Tata Estaniecki no Baile da 'Vogue'

Tata se desculpou pela escolha do look

Tata se desculpou pela escolha do look Foto: Instagram.com/tata

Ocorreu na quinta, 1, em São Paulo, o tradicional baile de carnaval da revista 'Vogue', que reúne os maiores fashionistas do país - todos usando trajes de gala com toques carnavalescos. Na edição deste ano, o tema era "Divino, Maravilhoso" e convocava os convidados a fazerem uma homenagem ao Brasil. 

Entre os presentes, a youtuber Tata Estaniecki foi criticada por seu look, que tinha um acessório no rosto "em homenagem aos escravos", segundo ela. Internautas afirmaram que a escolha da blogueira foi racista e que ela estava homenageando uma forma de tortura. 

Em um vídeo publicado no Instagram Stories, que foi apagado, Tata se desculpou pelo look.  "Estou vendo alguns comentários nas minhas fotos, nunca quis ofender ninguém, peço desculpas se interpretaram por esse lado", disse. Todo o conteúdo do Baile da Vogue foi apagado de seu Instagram. 

Procurada pelo E+, a grife Samuel Cirnanck, responsável pelo look, afirmou que Tata disse que seu look era uma homenagem aos escravos erroneamente, e que a inspiração foi o trabalho do artista plástico Gustav Klimt. "O vestido de Tata Estaniecki, que faz aparte da nova coleção de Samuel Cirnanck, que será mostrada nas passarelas da próxima São Paulo Fashion Week. Uma das inspirações do vestido transparente foi a obra de Gustav Klimt e o adorno que ela usou na cabeça tem como referência as melindrosas da década de 1920 em uma roupagem contemporânea que remete ao movimento grunge", disse um representante da marca. 

Na tarde desta terça, 2, a blogueira usou o Instagram Stories para se desculpar. "Eu fiz um comentário infeliz, por isso vim aqui me explicar", disse. "Ele resolveu meu look em dois dias, e foi uma correria, a gente não teve tempo de conversar. Quando eu estava me arrumando, ontem, com outras pessoas, algumas pessoas perguntaram o que significava o look e surgiu a história da escravidão. Meu comentário foi escrito da maneira errada e interpretado da maneira errada. Era para exaltar esta luta, não para ofender alguém". 

Veja outros looks usados no Baile da Vogue: