Ateliê de Yves Saint Laurent vira museu em Paris

- O Estado de S.Paulo

Maison prepara ainda abertura de outro espaço dedicado à memória do estilista em Marraquexe

O estilista Yves Saint Laurent trabalhando em seu ateliê 

O estilista Yves Saint Laurent trabalhando em seu ateliê  Foto: Reprodução/Victor Soto

O antigo ateliê do estilista Yves Saint Laurent, um dos mais importantes nomes da história da moda, vai se transformar em museu a partir do primeiro semestre de 2017. Localizado no número 5 da histórica Avenue Marceau, em Paris, o espaço abrirá suas portas para expor mais de 15 mil acessórios e cinco mil peças de alta costura, além de desenhos, croquis e protótipos que proporcionarão ao público uma viagem ao universo do criador francês que deu nome à marca. 

Yves Saint Laurent fez história na moda mundial quando colocou mulheres usando smoking, traje até então exclusivamente masculino, em sua passarela. Antes estilista da Dior, ele fundou a própria marca em 1962, ao lado do companheiro Pierre Bergé. Desde o início, documentou todas as suas coleções, criando um acervo gigante que agora estará disponível ao público. 

Além do museu, a Fundação Pierre Bergé-Yves Saint Laurent anunciou a abertura de prédio em Marraquexe, no Marrocos, que contará com uma exposição permanente dedicada à vida e obra de Saint Laurent e também receberá mostras de outros artistas. "Quando Saint Laurent conheceu a cidade, em 1966, ele ficou tão tocado com o lugar que decidiu comprar uma casa lá. Então parece natural, 50 anos mais tarde, criar um museu dedicado ao seu trabalho, que foi tão inspirado por esse país”, disse Bergé, ex-companheiro e parceiro de negócios do estilista.