USP abre as portas para escolas

Alexandre Gonçalves - O Estado de S.Paulo

Será lançado no fim do mês um projeto que abrirá as portas da Universidade de São Paulo (USP) aos alunos do ensino médio da rede pública. O Programa de Pré-iniciação Científica vai acolher 400 alunos e 62 professores indicados pela Secretaria de Educação. Durante um ano, desenvolverão trabalhos de pesquisa em laboratórios da USP, acompanhados por pesquisadores da instituição. A idealizadora do projeto e pró-reitora de Pesquisa da USP, Mayana Zatz, afirma que muitos estudantes da rede pública vêem a instituição como ideal inatingível. "Com o programa queremos mudar essa percepção e despertar o gosto pelo pensamento científico e crítico", explica Mayana. Pedro Bombonato, pesquisador da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia da USP e um dos responsáveis pelo programa, afirma que serão oferecidas vagas em todas as grandes áreas do conhecimento - Humanidades, Exatas e Biológicas - e nos sete câmpus da universidade, dentro e fora de São Paulo. Poderão participar alunos do 1.º e 2.º ano do ensino médio. Uma iniciativa semelhante já é realizada, durante as férias do início do ano, na Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). Na última edição, participaram 125 jovens.