RS inclui 10 cidades na área de risco da doença

- O Estado de S.Paulo

A Secretaria da Saúde do Rio Grande do Sul incluiu mais dez municípios na área de risco de febre amarela. Os novos integrantes da lista, que tem 109 das 496 cidades gaúchas, estão na região central do Estado. A decisão de ampliar a área foi tomada após exames comprovarem que um macaco morreu em Júlio de Castilhos por causa da febre amarela.