Olhar fatal

Ciça Vallerio - O Estado de S.Paulo

Fuja do clássico! A ordem, neste inverno de temperaturas oscilantes, é carregar

Em vez do clássico preto, a maquiagem pede cores. É o momento de perder o medo e ousar. Neste inverno brasileiro, de temperaturas que oscilam entre o calor seco e o frio gélido, lilás, azul, rosa e verde foram os eleitos. Mas o segredo de um make arrasador, de acordo com o maquiador Marcos Costa, consultor da Natura, é misturar cores quentes e frias.

 

"Azul nos olhos e coral nos lábios é um bom exemplo que vai bem com vários tons de pele", diz. Costa convidou a top brasileira Thana Kuhnen para ilustrar esse jogo de contrastes e, assim, traduzir a beleza da temporada. Para ele, o lilás também é um curinga pois combina com todo tipo de pele e entra tanto no inverno quanto no verão.

 

Outros especialistas concordam que, aos poucos, as brasileiras têm ousado no make. "É hora mesmo de sair do clássico e do comum", decreta o maquiador Lavoisier, consultor da Eudora. "A falta de costume em usar cores acaba intimidando e muitas deixam de experimentar por medo de errar." O jeito para quebrar essa barreira é testar até se sentir mais segura. Proibido é fazer isso enquanto se produz para uma festa. Na pressa, a chance de transformar uma princesa em gata borralheira é enorme.

 

E Lavoisier dá mais uma dica: respeite o côncavo do olho. É esse "afundado" que limita a cor. Acima dessa "linha", a sombra deve ser esfumada com um pincel para criar um degradê e suavizar a divisão da área. Mas é bom saber que esta não é regra para todos os makes, apenas uma ajuda para quem quer se iniciar com mais segurança nas cores. Inspire-se nos exemplos seguintes e mãos à obra.

 

 

 "Delineador preto, blush rosa e, na boca, um vinho de boa safra. Os eternos do make. Em minha opinião, o delineador deixou de ser tendência e já faz parte do kit de maquiagem da mulher. E, na estação mais fria do ano, ele é um ótimo detalhe do make-up", ressalta Marcos Costa. Para os olhos acima, ele aplicou, com pincel de cerdas, a sombra rosada bem leve ou, como o maquiador descreve, um "rosa-quase-nada". Em seguida, esfumou. Depois, aplicou um delineador preto em pó bem marcado e próximo dos cílios superiores, como está detalhado no desenho ao lado.

 

 

 

 

"Nos olhos, a mistura fria de preto e azul contrasta com lábios pintados com o quente do coral. São cores que ficam bem em loiras, morenas, negras, orientais e ruivas. A mistura combina com várias situações", diz Marcos Costa. Ele usou neste olho o quarteto de sombra número 6 Una, da Natura. Ao lado, ele ensina a misturar cores: "Contorne os olhos com o lápis preto e, depois, esfume o azul escuro com o tom grafite em todo o contorno das pálpebras, misturando com o lápis".

 

 

 

 

"Lilás que vibra nos olhos e rosa que pulsa na boca. Essas duas cores também são curingas da maquiagem, pois combinam com vários tons de pele e podem ser usadas com roupa preta, azul, lilás e prata", explica Marcos Costa. Neste make, ele aplicou sombra lilás em todo o contorno superior e inferior do olho. Depois, foi bem esfumada com um pincel de cerdas.