Marina de la Riva

Agencia Estado - O Estado de S.Paulo

Filha de mãe brasileira e pai cubano exilado no Brasil, ela é carioca, tem 30 anos e mora há um bom tempo em São Paulo. Os ritmos de Cuba sempre estiveram na sua casa, estreitando as raízes da família de uma pianista mineira com um cantor lírico de Havana. Em seu primeiro e recém-lançado CD, Marina canta em espanhol. O bolero cubano dos anos 50, Ojos Marejados, foi gravado ao lado de Chico Buarque. Davi Moraes - com quem se apresentou no palco do Bourbon Street - também fez parceria. O CD faz conexão entre os clássicos cubanos (não é salsa, ela frisa) e a bossa nova. Talvez por isso Marina diga que o mar é a imagem para o seu trabalho. Ultimamente a artista tem escutado muito o som soul da inglesa Amy Winehouse. Visite o site de Marina ou o perfil dela no site MySpace. Feminino - Ícone feminino na música? Marina - Maria de Los Angeles Santana, que era uma das cantoras constantes do maestro Ernesto Lecuona; Bidu Sayão; Carmem Miranda; Maria Callas. Feminino - Ícone fashion? Marina - Mademoseille Chanel, porque conseguiu se reinventar aos 70 anos. Feminino - Qual o estilo de seu trabalho? Marina - Visceral. Feminino - Qual o seu estilo de vestir? Marina - Clássico, esportivo e feminino. Porque assim me sinto confortável. Feminino - Onde esses estilos se encontram? Marina - Na minha música, no palco e na vida real. Sou reservada e visceral, feminina, mas não restrita. Sou muito rebelde, mas obediente, tudo ao mesmo tempo. Feminino - O que busca na música e na moda? Marina - Vida na música. Personagens e conforto na moda. Feminino - O melhor é cantar vestindo... Marina - Você mesma. E com as unhas do pé pintadas de esmalte vermelho. Mesmo que ninguém saiba? Feminino - Como compõe suas canções? Marina - Elas que me compõem. São, inclusive, muito caprichosas, adoram banhos, trânsito, ou longas viagens. Sempre vêm me visitar. Feminino - Como compõe o seu visual? Marina - Com pressa. Feminino - O que não pode faltar em sua música? Marina - Delicadeza, Verdade, Respeito e Concentração, com letras maiúsculas. Mas com muita leveza e sintonia com a Vida Infinita! Feminino - O que não pode faltar no seu guarda-roupa? Marina - Preto. E um sapato Chanel de chamois preto, alto, que, segundo meu marido, é só dizer o lugar do show que ele canta (e dança) sozinho.