Em forma, sem pagar de gatona

Agencia Estado - O Estado de S.Paulo

Sim, esta coluna dá todos os louvores à mulherada que passa dos 50 com o ´shape´ em dia. À base de malhação, bisturi ou Botox, tanto faz: a conquista merece palmas efusivas. Os aplausos, entretanto, podem cair. Despencar. Perdem a intensidade conforme diminui o comprimento das saias ou aumentam os decotes. Viram vaias quando a senhora em forma resolve pagar de tia-gatona. A tia-gatona é aquele mulherão que faz questão de mostrar o ´ão´ da maneira mais escancarada possível. E, quando fala em idade, jura que é ´inha´. Outro dia, topei com um exemplar da espécie no metrô. Loira-parafina, enfiada numa skinny incrivelmente justa, desfilando de plataforma vazada, ainda jorrava peitos com sua curtíssima regata ? ´ornada´ pelos dizeres ´Glamour Girl´, escritos em cristais Swarovski. Lindonas, vejam: deixar tudo de fora não pega bem nem para as ´inhas´ de verdade. Um certo recato não é coisa de velha, mas de quem tem bom senso ? e bom gosto. Ninguém precisa sair de casa toda lacrada, mas descolar as roupas do corpo, cobrir barriguinhas e deixar as plataformas segurando portas salvam a lavoura. Tente. O seu ´shape´ será muito mais invejado.