Aspirina reduz risco de morte por câncer retal

AFP - O Estado de S.Paulo

Tomar aspirina regularmente reduziria em quase 30% o risco de morte de pacientes com câncer colo-retal, segundo pesquisa do Hospital Geral de Massachusetts, nos Estados Unidos. Segundo os cientistas, que devem confirmar as descobertas em um estudo complementar, a aspirina inibe uma enzima, a COX-2, que causa inflamação e proliferação de células e é muito ativa na maioria dos casos desse tipo de câncer.