Show de Naldo Benny no réveillon do Rio é cancelado após denúncia de agressão

Redação - O Estado de S.Paulo

Cantor foi preso por porte ilegal de arma após a Polícia revistar sua casa por causa da denúncia de sua mulher, a Moranguinho

Moranguinho denunciou Naldo por agressão, o cantor foi preso, mas foi solto após pagar fiança.

Moranguinho denunciou Naldo por agressão, o cantor foi preso, mas foi solto após pagar fiança. Foto: Instagram/@moranguinhoreal

Na última quarta-feira, 6, Naldo Benny foi preso por porte ilegal de arma após ser acusado de agressão pela mulher, Ellen Cardoso, mais conhecida como Moranguinho. Por causa disso, a prefeitura do Rio de Janeiro cancelou o show que o cantor faria no réveillon.

"Em virtude dos últimos acontecimentos envolvendo o cantor Naldo Benny, a Prefeitura do Rio e a Riotur decidiram cancelar sua apresentação no Réveillon Rio 2018 em Copacabana", disse em nota a secretaria de turismo do Rio, a Riotur.

Moranguinho registrou um boletim de ocorrência contra Naldo no último sábado, 2, alegando que ele a agride desde o início do relacionamento, há sete anos. A Polícia então emitiu um mandado de busca e apreensão na casa do artista e, lá, encontrou uma arma. O cantor foi preso, mas foi solto em seguida após pagar fiança de valor não informado.