Promotoria de Los Angeles está analisando denúncia de assédio sexual contra Kevin Spacey

Redação* - O Estado de S.Paulo

O crime teria ocorrido em 1992 e é mais um dos inúmeros casos envolvendo o ator

A Promotoria de Los Angeles está analisando uma nova denúncia de assédio sexual feita contra o ator Kevin Spacey

A Promotoria de Los Angeles está analisando uma nova denúncia de assédio sexual feita contra o ator Kevin Spacey Foto: Eduardo Munoz Alvarez/Reuters

A Promotoria do condado de Los Angeles, nos Estados Unidos, anunciou na quarta-feira, 11, que está analisando uma denúncia de assédio sexual contra o ator Kevin Spacey. "Um caso foi apresentado em 5 de abril pela polícia de Los Angeles", disse o porta-voz da Promotoria, Greg Risling, à agência Reuters. "Está sob análise", continuou.

De acordo com a polícia da cidade, o caso começou a ser investigado em dezembro de 2017 e trata-se de um possível crime de assédio sexual que teria ocorrido no mês de outubro de 1992 em Hollywood. Apesar das diversas denúncias de assédio que surgiram contra o ator em 2017, muitas delas já prescreveram ou não têm provas materiais do acontecido, o que impede que um processo criminal seja levado adiante pela Promotoria.

A polícia da Inglaterra também está investigando Spacey por assédios cometidos contra atores do teatro Old Vic, em Londres, onde ele foi diretor artístico entre 2003 e 2015. No total, mais de 30 homens disseram que foram vítimas de assédio e comportamento sexuais indesejados por parte de Spacey, uma das mais importantes figuras de Hollywood a ser acusada publicamente de má conduta sexual desde que acusações contra o produtor Harvey Weinstein desencadearam o movimento #MeToo nas redes sociais.

VEJA TAMBÉM: Personalidades que já se envolveram em casos de assédio ou abuso sexual.

*Com informações da Reuters