Nicette Bruno sobre Paulo Goulart: 'Tenho certeza que vamos nos reecontrar'

Redação - O Estado de S.Paulo

'Quando perdi o Paulo, consegui superar por ter a convicção, a fé, a certeza de que a vida não termina no túmulo', disse a atriz durante o 'Encontro'

Nicette Bruno foi convidada do 'Encontro' desta quinta-feira, 22.

Nicette Bruno foi convidada do 'Encontro' desta quinta-feira, 22. Foto: Iara Morselli/ESTADÃO

O Encontro com Fátima Bernardes desta quinta-feira, 22, recebeu Nicette Bruno como uma das convidadas. Além de falar sobre temas do programa como deificiência física e homofobia, a atriz falou sobre Paulo Goulart, que morreu em 2014.

"Eu tenho uma maneira de enxergar o mundo de outra forma, uma forma que muitas pessoas enxergam também, e isso nos dá um suporte. Quando eu perdi o Paulo, consegui superar por ter a convicção, a fé, a certeza de que a vida não começa no berço e termina no túmulo. Eu acredito na continuidade, e, apesar de sentir a falta dele, eu tenho certeza de que vamos nos reencontrar", disse Nicette, que é adepta do kardecismo, uma vertente do espiritismo. 

Ela e Paulo Goulart foram casados por mais de 60 anos. Em 2008, o ator começou uma luta contra o câncer ao descobrir um tumor nos rins e, em 2014, foi internado em estado grave. Em março daquele ano, ele morreu, aos 81 anos, ao lado da família.