Malafaia se diz 'indignado' no Twitter após ser alvo da PF; internautas respondem com memes

- O Estado de S.Paulo

'Sou responsável pela bandidagem de outros? Estou indignado', disse o pastor, alvo de condução coercitiva

Pastor Silas Malafaia foi alvo de condução coercitiva nesta sexta-feira, 16

Pastor Silas Malafaia foi alvo de condução coercitiva nesta sexta-feira, 16 Foto: Reprodução/Twitter

Uma das figuras mais controversas da internet brasileira, o Pastor Silas Malafaia foi alvo de condução coercitiva durante uma operação da Polícia Federal na manhã desta sexta-feira, 16. "Será que justiça não tem bom senso. Pra saber que eu recebi um cheque de uma pessoa; e isso me torna participante de crime? Estou indignado", escreveu. Ele ainda disse: "Sou responsável pela bandidagem de outros? Estou indignado".

Logo após a operação, batizada de Timóteo, o religioso começou a postar explicações no Twitter. Ligado à Assembleia de Deus, ele é suspeito de apoiar a lavagem de dinheiro em um esquema envolvendo royalties de exploração de minério. A polícia investiga se Malafaia teria cedido contas bancárias da Assembleia de Deus para ocultar a origem de dinheiro ilícito.

Indignado e usando apenas letras maiúsculas, Malafaia disse que declara tudo o que recebe no Imposto de Renda e ainda questionou: "Quer dizer que se alguém for bandido e me der uma oferta, sem eu saber a origem, sou bandido?".

"É a tentativa para me desmoralizar na opinião pública. Não poderia ter sido convidado para depor? Vergonhoso!", questionou.

Os usuários do Twiiter não deixaram o assunto barato. Veja as respostas mais criativas: