Kim Kardashian defende Kanye West após ele elogiar Donald Trump

Redação - O Estado de S.Paulo

'A maioria das pessoas, incluindo eu mesma, tem opiniões e sentimentos diferentes, mas essa é a opinião dele. Ele é um pensador livre', disse a empresária

Kanye West e Kim Kardashian.

Kanye West e Kim Kardashian. Foto: REUTERS/Andrew Kelly

Na última quarta-feira, 25, Kanye West fez uma série de tuítes elogiando o presidente americano Donald Trump. Ele publicou fotos usando o boné com a frase "Make America Great Again", slogan do presidente, e disse que ele é seu "irmão". Entretanto, suas opiniões geraram críticas e internautas disseram que essa atitude era fruto de problemas mentais.

"Você não tem de concordar com Trump, mas não pode me fazer não amá-lo. Nós dois temos energia de dragão. Ele é meu irmão. Eu amo todo mundo. Eu não concordo com tudo o que qualquer pessoa faz. É isso que nos torna indivíduos. E nós temos o direito de ter um pensamento independente", tuitou West.

Após as críticas sobre um possível colapso mental, Kim Kardashian, sua mulher, saiu em defesa do marido, também no Twitter. "Para a mídia tentando demonizar meu marido, deixe-me falar apenas que seus comentários sobre Kanye estar errado e seus tuítes indicarem um distúrbio são realmente assustadores. Tão rápidos para rotulá-lo como tendo problemas mentais apenas por ele ser ele mesmo, como ele sempre foi, não é justo", disse Kim.

Ela então citou que Kanye se afastou de alguns parceiros de negócios, o que já havia sido motivo para especular alguns problemas, em vez de uma simples decisão de negócios. "Ele é um pensador livre, isso não é permitido na América? Porque algumas das ideias dele diferem das de vocês, vocês tem de jogá-lo na categoria de problemático mental? Não é justo. Na verdade, ele está fora do fundo do poço quando ele está sendo ele mesmo, o que é muito expressivo", continuou a empresária.

"Agora que ele falou sobre Trump, a maioria das pessoas (incluindo eu mesma) tem opiniões e sentimentos diferentes. Mas essa é a opinião dele. Eu acredito que as pessoas são capazes de ter suas próprias opiniões, mesmo sendo diferentes das minhas. Kanye nunca vai querer competir na corrida de opinião mais popular, e nós sabemos disso, e é por isso que eu o amo e o respeito. Kanye está a frente de seu tempo", disse, e ressaltou que "saúde mental não é piada".