George Clooney ironiza críticas de Trump a Meryl Streep

- O Estado de S.Paulo

'Você não deveria estar comandando o país?' questionou o ator

.

. Foto: Reprodução / YouTube @TheEllenShow

O ator George Clooney resolveu se meter na polêmica envolvendo Meryl Streep e Donald Trump. Ao receber seu prêmio no Globo de Ouro, a atriz fez um discurso com duras críticas aos posicionamentos do presidente eleito dos Estados Unidos. Em seguida, Trump afirmou tratar-se de uma atriz "superestimada", menosprezando sua carreira.

Em entrevista à revista People durante um evento de sua própria fundação em apoio ao seu documentário da Netflix, White Helmets, Clooney afirmou, em tom irônico: "Eu sempre disse isso sobre Meryl. Ela talvez seja a atriz mais superestimada de todos os tempos. Eu e ela trabalhamos juntos em O Fantástico Sr. Raposo como marido e mulher e eu te digo que mesmo como uma raposa, ela é superestimada".

Sorrindo, ele ainda aproveitou para alfinetar Trump: "Você não deveria estar comandando o país?".