Dado Dolabella é liberado da prisão após 60 dias detido

Redação - O Estado de S.Paulo

O ator cumpria detenção pelo não pagamento de pensão alimentícia

O ator Dado Dolabella foi libertado na madrugada desta sexta-feira, 6, após ficar 60 dias detido pelo não pagamento de pensão alimentícia

O ator Dado Dolabella foi libertado na madrugada desta sexta-feira, 6, após ficar 60 dias detido pelo não pagamento de pensão alimentícia Foto: Instagram/@dadodolabella

O ator Dado Dolabella foi solto do 33º Departamento Policial, no bairro de Pirituba, em São Paulo, na madrugada desta sexta-feira, 6. Ao E+, a delegacia informou que ele saiu por volta da 0h30.

Dado havia sido preso no dia 6 de fevereiro pelo não pagamento de uma dívida de R$ 196 mil em pensões alimentícias devidas ao filho que teve com a estudante Fabiana Vasconcelos Neves. Ele chegou a ser preso em agosto de 2017 pela mesma dívida, mas conseguiu uma liminar para não ficar na cadeia. O prazo da prisão havia sido estipulado em 60 dias.

Um outro mandado de prisão, expedido pela juíza Ana Paula Delduque Migueis Laviola de Freitas, do 3º Juizado de Violência Doméstica de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, revogando os direitos de suspensão de pena de dois anos que haviam sido concedidos a ele em um caso de injúria e dano movido por sua ex-esposa, a modelo Viviane Sarahyba, em 2016, foi cumprido. Mas neste caso, ele cumprirá o restante da pena, cerca de sete meses, em regime aberto.  

Segundo o Código de Processo Penal, no regime aberto, o condenado pode realizar atividades autorizadas pela Justiça durante o dia, mas precisa recolher-se à noite em casa de albergado ou na própria casa, na falta de estabelecimento adequado.