Comediante é preso após fazer falsa denúncia de bomba em trem

Redação - O Estado de S.Paulo

Após investigação, a polícia descobriu que T.J. Miller fez a denúncia para prejudicar uma mulher com quem ele não se dá bem

O comediante T.J. Miller foi preso por ter feito falsa denúncia de bomba em trem no último mês de março

O comediante T.J. Miller foi preso por ter feito falsa denúncia de bomba em trem no último mês de março Foto: Mario Anzuoni/Reuters

O comediante norte-americano T.J. Miller, conhecido por seus papéis em Deadpool e Silicon Valley, foi preso na noite de segunda-feira, 9, por conta de uma ameaça falsa de bomba que fez por telefone em março deste ano. Na ocasião, ele estava em um trem que ia de Washington D.C. até Nova York e ligou para o número de emergência fazendo a falsa denúncia.

Após apurar a denúncia e ver que ela era falsa, a polícia começou a investigar as circunstâncias em que o ator fez a ligação. Os investigadores concluíram que Miller não estava no trem denunciado, provavelmente estava embriagado no momento da ligação e fez a ameaça falsa com a intenção de atrapalhar uma mulher com quem o comediante tem desavenças.

A polícia efetuou a prisão quando ele estava chegando de um voo no aeroporto La Guardia, em Nova York. Miller foi solto após pagar fiança de US$ 100 mil (cerca de R$ 341 mil) e foi indiciado pelos crimes de denúncia falsa e falsa ameaça de bomba e, pelas leis federais norte-americanas, se condenado, pode pegar até cinco anos de prisão.