Ator Luke Evans diz que ser gay não prejudicou sua carreira em Hollywood

Redação - O Estado de S.Paulo

'Tento manter minha vida pessoal e privada separada', disse o ator de 'A Bela e a Fera', 'Velozes e Furiosos' e 'O Hobbit'

Ator revelou sua sexualidade aos 22 anos à imprensa, mas desde então se tornou fechado sobre o assunto

Ator revelou sua sexualidade aos 22 anos à imprensa, mas desde então se tornou fechado sobre o assunto Foto: REUTERS/Phil McCarten

Luke Evans, 38 anos, é um dos poucos galãs de cinema que é abertamente gay. O ator declarou sua sexualidade aos 22 anos em entrevista à revista The Advocate em uma época em que poucos atores eram francos sobre o assunto. No entanto, hoje ele diz que a revelação não prejudicou sua carreira. 

Famoso pelos papéis em A Bela e a Fera, Velozes e Furiosos e O Hobbit e pela série The Alienist, Luke concedeu uma entrevista especial à revista The Jackal. Ao ser perguntado sobre a possibilidade de Hollywood estar preparada para um herói de ação gay, ele responde de forma evasiva. "É difícil dizer. Não sei como Hollywood pensa e eu não penso sobre isso. Talento, sucesso e o que você faz na vida privada - não vejo como isso deveria afetar a vida profissional", declarou. 

Ele afirma, ainda, que não trabalharia em Hollywood se sentisse que não seria empregado por conta de sua sexualidade. 

"Tento manter minha vida pessoal e privada separada", afirmou Luke. "Por nenhuma outra razão além do que a própria palavra diz - é privado. Como ator, você precisa manter um pouco de enigma e mistério. Há uma certa honra em manter a privacidade. Tento manter um pouco de dignidade na minha vida privada para proteger minha família. Eles não falam com a imprensa e eu não sou fotografado com eles, apesar de todos saberem que são minha mãe e meu pai. É uma escolha que tomei". 

Sexualidade na mídia. No início da carreira, Luke Evans era bastante franco em relação à sua sexualidade - o bastante para ter falado sobre o assunto à revista The Advocate, focada no público gay. No entanto, conforme ele adquiriu fama e projeção como ator, aos poucos se tornou fechado sobre o assunto e parou de tocar a questão em entrevistas. Desde então, ele se esforça para não cristalizar o rótulo de 'ator gay', apesar de não esconder sua sexualidade.