Seguidores ajudam mulher a recuperar último vídeo que gravou de sua mãe

Redação - O Estado de S. Paulo

Usuária do Reddit pediu ajuda com o áudio e emocionou internautas

Filha teve última conversa no hospital antes da morte da mãe

Filha teve última conversa no hospital antes da morte da mãe Foto: Pixabay/@ponce_photography

Uma usuária do fórum online Reddit pediu ajuda em sua conta para recuperar um momento muito importante em sua vida: o último vídeo feito antes de sua mãe morrer.

Bridget, que usa o nome de usuária ‘bridget90’, explicou que encontrou a gravação em um celular antigo, mas a filmagem estava praticamente sem áudio.

Ela teve a ideia de perguntar aos seguidores se alguém poderia ajudá-la a entender a conversa com sua mãe. “Alguém consegue fazer leitura labial? Este é o último vídeo que fiz antes de minha mãe morrer e não há som”, publicou.

Os usuários da rede social trataram de desvendar o diálogo da gravação. “Isso é o que eu descobri até agora. Vou editar esta publicação quando descobrir mais. Os colchetes mostram o que eu ainda não sei decifrar. As falas de sua mãe estão entre aspas. As suas não”, indicou um seguidor, que escreveu o máximo que conseguiu perceber da conversa entre as duas.

Após a ajuda, Bridget agradeceu o apoio e muitos internautas se emocionaram com o esforço em resgatar as falas do vídeo. “É muito bom ver pessoas ajudando umas as outras. Incrível”, parabenizou um dos seguidores.

Confira o vídeo e o texto ‘desvendado’:

Can anyone lipread? This is the last video I have before my mom passed away and there's no sound from videos

Tradução do diálogo:

Aham.

“Você arrumou suas coisas [...]?”

"Estou bem."

“Tudo bem”.

"Você tem algo que quer me dizer [...]"

“Ah. Tem algo que você quer que eu diga?”

"Diga que você me ama."

"Eu te amo."

"Obrigada."

"Eu realmente amo. Eu acho que você [...]"

"Mmhmm"

“Você é muito orgulhosa de si mesma. Muito dura consigo mesma. Não é?”

"Às vezes."

“Eu acho que eu diria, hm… talvez 75% das vezes."

“Mmhmm”

“75% forte”

"Estou tentando/Eu tento."

“E está conseguindo [...] ??”

“Eu tenho que pedir desculpas”

"Ok. Pelo quê?"

“Por alguma estranha razão [...]”

"Está tudo bem."

“[...]”

Eu não sei, sons de ombros encolhendo.

A mãe toma um copo de água.

“[...]”

"Ok. Está bem."

“Mas eu [...]”

"Mmhmm"

“Não coma todos de uma vez, você vai ficar com espinhas”

"Ok."

“Está bem.”