Reino Unido tem seu primeiro casamento homossexual entre muçulmanos

Redação - O Estado de S.Paulo

Jahed Choudhury, de 24 anos, se uniu ao jovem que o fez desistir de tirar a própria vida

Primeiro casamento gay do Brasil em cartório, em 2011.

Primeiro casamento gay do Brasil em cartório, em 2011. Foto: Nilton Fukuda/AE

Jahed Choudhury, de 24 anos, se tornou o primeiro homem muçulmano a se casar com uma pessoa do mesmo sexo no Reino Unido. A união foi oficializada no cartório de Walsall, onde os noivos vestiam trajes tradicionais da religião, e foi contada pelo Daily Mail.

 

O jovem diz que cresceu se sentindo excluído pela comunidade muçulmana por ser gay e até foi enviado para uma peregrinação religiosa a fim de mudar sua orientação sexual.

Dois anos atrás, tendo sofrido bullying por muito tempo, Choudhury pensou em tirar a própria vida, até que ele foi visto chorando, sentado em um banco na cidade de Darlaston, por Sean Rogan, de 19 anos.

Rogan conversou com Choudhury e logo eles viraram um casal. Mesmo depois do casamento, porém, e apesar da felicidade deles, os dois receberam vária ameaças de morte. 

"Eu quero dizer para todas as pessoas que estão passando pela mesma situação que está tudo bem. Nós vamos mostrar para todo o mundo que nós podemos ser gays e muçulmanos", disse Choudhury  ao Daily Mail.

Visto como tabu para muitos muçulmanos tradicionais, Choudhury é um dos poucos gays assumidos de sua religião e o primeiro na Inglaterra a se casar com outro homem.

Veja na galeria abaixo desde quando alguns países  permitem o casamento homoafetivo.