Ração x Comida 'de gente': o que é melhor para o seu cachorro?

Anita Efraim - Especial para O Estado de S. Paulo

Alimentação caseira é altamente recomendada

Vantagem da ração é ser mais prática para o dono

Vantagem da ração é ser mais prática para o dono Foto: Pezibear/ Pixabay

Todo mundo sabe que comida de cachorro é ração, mas, ultimamente, tem-se falado mais em dar comida 'de gente' para os pets. Arroz, frango, legumes e verduras podem ser uma opção mais saudável.

Na opinião da veterinária Tatiane Hato, a alimentação caseira é a melhor alternativa para os cachorros, desde que seja preparada corretamente. Ela explica que quase tudo que os humanos comem, cães também podem comer. Há poucos produtos que costumamos comer que eles não podem, como cebola e chocolate.

"É preciso adequar a quantidade de proteína, gordura, etc. A dieta se adapta a cada paciente e é muito importante ter um acompanhamento", explica Tatiane. Enquanto alguns optam por fazer a comida de seus cachorros em casa, outros preferem a alternativa de comprá-la congelada.

Apesar de a comida caseira ser ideal, há situações em que a ração é mais recomendada, como, por exemplo, quando o dono precisa de praticidade. "Por mais que você compre a comida congelada, dá mais trabalho", alerta a veterinária.

"Se soubermos que a comida não foi preparada direito, se há dúvida, a ração é melhor, porque não há riscos de o paciente ter deficiência nutricional." Tatiane alerta aqueles que deixam a comida o dia todo para o cão: a exposição à luz e ao oxigênio tira nutrientes da ração.

Veja alimentos que podem ser prejudiciais ao seu cão: