Pitbull desaparecida é encontrada por donos após ser vista na TV

Redação - O Estado de S. Paulo

Cachorra Catalina havia sumido por volta do dia de Ação de Graças; ela foi baleada e estava em abrigo

Catalina tem 9 meses

Catalina tem 9 meses Foto: Pixabay / RescueWarrior

Uma pitbull de nove meses, chamada Catalina, foi achada por seus donos após ter desaparecido por volta de 23 de novembro, dia de Ação de Graças, no condado de San Diego, Califórnia. Uma semana depois, ela foi identificada por um vizinho de seus donos, que lhes contou ter visto um cão parecido com Catalina aparecer na televisão.

Assim que ouviram a informação, os donos de Catalina procuraram na internet pela história da cachorra que se parecia muito com a pitbull. Ao fazerem a busca, descobriram um vídeo da CBS mostrando que um cão havia sido baleado no Valley Center, região do condado. Após ligar à CBS, Salina Hurtado foi avisada de que o animal tinha sido levado ao abrigo de Serviços do Animal de San Diego Tribune.

Hurtado viajou até o abrigo, trazendo consigo registros para provar ser dona da cachorra. Lá, no entanto, foi notificada de que deveria esperar por uma semana, pois o autor do disparo contra Catalina reivindicava a posse do cão para si. O diretor de serviços do animal do abrigo afirmou que irá manter o animal em posse durante 14 dias, conforme disse ao San Diego Tribune.

Enquanto esperam, Hurtado e seu marido criaram uma campanha de arrecadação para cuidar do tratamento de Catalina, que pode custar até 3 mil dólares. "Meu bebê de nove meses. Estou tão feliz que ela está melhorando e espero que ela possa ir pra casa logo. Estou pedindo qualquer doação para ajudar a pagar pelos gastos médicos", escreveu na campanha Hurtado.