O que os senadores e deputados da lista de Fachin já disseram sobre corrupção

Redação - O Estado de S.Paulo

No passado, alguns se declararam incorruptíveis; outros apontaram o dedo para colegas antes de eles próprios serem acusados

Câmara dos Deputados

Câmara dos Deputados Foto: Dida Sampaio/Estadão

Entre os quase 100 políticos da lista de Fachin, revelada pelo Estado no último dia 11, não é difícil encontrar inconsistências. Como é de costume, muitos deles apontavam o dedo para colegas de outros partidos e afirmavam que os responsáveis pela corrupção eram sempre ‘os outros’. Parece que o jogo virou, não é mesmo?

Reunimos algumas das frases ditas por alguns dos deputados e senadores alvos de inquéritos que a Procuradoria-Geral da República (PGR) encaminhou ao Supremo Tribunal Federal (STF) com base nas delações de executivos e ex-executivos do Grupo Odebrecht.

Confira a seguir, em ordem alfabética por nome do político, 20 frases em que eles acusam apenas os outros de corrupção ou que agora já não parecem tão sinceras assim: