'Nosso país realmente está mudando', diz Justus sobre prisão de Lula

redação - O Estado de S.Paulo

Confira a reação das personalidades após decreto contra o ex-presidente

Lula foi condenado a 12 anos e um mês de prisão no processo do caso triplex do Guarujá.

Lula foi condenado a 12 anos e um mês de prisão no processo do caso triplex do Guarujá. Foto: Lalo de Almeida/The New York Times

Após o decreto de prisão de Lula, expedido pelo juiz Sérgio Moro, algumas personalidades usaram as redes sociais para se manifestar contra ou a favor da decisão.

Antes, no Twitter, o que mais se comentava era que o meme 'Lula preso amanhã' passou de uma  simples brincadeira para fato real.

"Quando a justiça começa a valer para todos e a impunidade começa a acabar, o Brasil dá um grande passo em direção a um futuro melhor", escreveu Roberto Justus.

Confira essa e outras reações das personalidades sobre o caso.

Felipe Neto brincou com o evento que ocorreria nesta sexta-feira, 6, às 18 horas, com a presença de Lula. Porém, Moro deu até as 17 horas para que o ex-presidente compareça à sede da Polícia Federal em Curitiba.

 A escritora Clara Averbuck questionou as "pessoas que aplaudem" a prisão decretada.

O jornalista e escritor Xico Sá questionou a rapidez com que todo o processo foi analisado e julgado.

A atriz Clarice Falcão compartilhou uma manchete que fala sobre nenhum político do PSDB ter sido preso durante os quatro anos da Lava Jato. Antes, ironizou a questão do golpe.

Monica Iozzi demonstrou apoio à decisão de Sérgio Moro. "Tenho certeza de que, assim que Temer, Aécio e Alckmim perderem o foro privilegiado, ele prende os três", escreveu na publicação.

VEJA TAMBÉM: Lula vai preso já? Lula pode se candidatar? Veja os cenários do ex-presidente condenado