No Tinder, cada usuário tem uma nota secreta dada pelo próprio app

Redação - O Estado de S.Paulo

A 'pontuação Elo' considera fatores como foto do perfil e número de 'matches' para definir quão desejável um usuário é

Tinder tem uma pontuação interna sobre cada usuário.

Tinder tem uma pontuação interna sobre cada usuário. Foto: REUTERS/Mike Blake/Illustration

Você sabia que o Tinder classifica quão 'desejável' você é? Todos os usuários têm uma nota calculada pelo próprio aplicativo, que lista as pessoas mais e menos desejáveis na plataforma. Infelizmente, as notas não estão disponíveis para o público em geral.

No ano passado, porém, o Tinder disponibilizou a um jornalista do site Fast Company sua nota interna, e ele contou sobre os resultados em um artigo, dizendo que se arrependeu de saber. 

"Conhecida pela própria empresa como 'pontuação Elo', um termo de mundo do xadrez que classifica os níveis de habilidades de um jogador, o ranking do Tinder ajuda a analisar a base de usuários para possibilitar 'matches' melhores. Usando o sistema, o Tinder pode conectar usuários baseados em notas compatíveis", escreve Austin Carr no artigo.

O CEO do Tinder, Sean Rad, confirmou ao site a existência do ranking, e explicou que tem mais a ver com o nível de 'desejabilidade' do que o quão atraente o usuário é, porque o índice não é feito apenas com base na foto de perfil. "É muito complicado. Levou cerca de dois meses e meio apenas para construir o algoritmo, porque muitos fatores são levados em consideração", explica Rad. Entre os fatores, estão as informações que cada usuário coloca no perfil e quantas pessoas correspondem ao 'match' e quantas não correspondem.

Austin pôde ver sua pontuação Elo,  descobriu quantas vezes já deslizou a tela para a direita e para a esquerda, e também quantas vezes já foi 'rejeitado' no aplicativo. Sua pontuação foi 946. E o que isso significa? "Está um pouco acima da média", explicou Tor Solli-Nowlan, o engenheiro de dados do Tinder.

 

VEJA TAMBÉM: Sete programas de namoro da TV brasileira que foram precursores do Tinder: