Morre protagonista de documentário sobre o sentido da vida

Redação - O Estado de S.Paulo

Giovane foi diagnosticado com doença rara e degenerativa que atinge os nervos; jovem percorreu 13 países para divulgar paramiloidose familiar

Giovane de Sena Brisotto, protagonista do filme 'O Sentido da Vida'

Giovane de Sena Brisotto, protagonista do filme 'O Sentido da Vida' Foto: Reprodução de cena de ‘O Sentido da Vida’ (2017)/O2 Filmes

O engenheiro cartógrafo Giovane de Sena Brisotto, protagonista do documentário 'O Sentido da Vida', lançado em 2017, faleceu no último domingo, na cidade de Erechim, no Rio Grande do Sul.

Em 2015, o jovem ficou conhecido por largar tudo para viajar o mundo e divulgar uma doença genética e degenerativa que atingia seus nervos.

Após a morte de sua mãe por paramiloidose familiar, Giovane fez um teste e descobriu que havia herdado o gene da doença que não tem cura.

Na época, ver o que a mãe passou ao enfrentar a doença foi o que deu forças para participar do projeto do documentário. Ele visitou 13 países, mas teve que interromper as gravações no meio da viagem devido a uma infecção.

Giovane fez um transplante de fígado, para aliviar os sintomas, em 2015, e assim que se sentiu bem novamente voltou a gravar cenas para o documentário, que foi lançado no ano passado.

Veja o teaser do documentário:

 

Ele foi enterrado ainda no domingo, no túmulo ao lado de sua mãe. Na página de 'O Sentido da Vida - The Meaning of Life' no Facebook, foi postado um texto em homenagem a Giovane. Veja: