Madri faz campanha contra homens ‘espaçosos’ no transporte público

Redação - O Estado de S. Paulo

Reivindicações na internet motivaram ação contra rapazes que abrem demais as pernas em ônibus ou trens

'Manspreading' é a prática dos homens que se sentam com as pernas abertas, sem respeitar o espaço dos outros

'Manspreading' é a prática dos homens que se sentam com as pernas abertas, sem respeitar o espaço dos outros Foto: Hiroko Masuike/The New York Times

Quem usa transporte público, com certeza já viu algum homem sentado com as pernas abertas demais, incomodando outros usuários. Mas esta situação está prestes a mudar em Madri.

A prefeitura da capital espanhola iniciou uma campanha contra o manspreading (expressão que define os homens que se ‘espalham’ demais nos assentos). Os ônibus, trens e metrôs madrilenhos ganharam uma sinalização do tipo ‘proibido se espalhar’.

“Esse novo ícone serve para lembrar as pessoas que é preciso manter o comportamento civil e respeitar o espaço de todos”, afirmou um porta-voz da Companhia de Transporte Municipal de Madri à CNN.

A campanha acontece depois de uma série de reivindicações, em especial de grupos de mulheres. A hashtag #MadridSinManspreading (‘#MadriSemManspreading, em tradução livre) tomou conta das redes sociais nos últimos meses.