Londres: após atentado, homem volta a restaurante para pagar a conta

Redação - O Estado de S.Paulo

Richard Angell jantava com amigos no Borough Market quando terroristas atacaram o local

Policiais armados no Borough Market após o atentado na ponte de Londres

Policiais armados no Borough Market após o atentado na ponte de Londres Foto: REUTERS/Neil Hall

Richard Angell é uma das pessoas que estavam presentes durante o atentado no Borough Market em Londres na noite do último sábado, 3. No momento do ataque, ele jantava com amigos no restaurante e bar Arábica e saiu correndo do local. Só que ele decidiu fazer um lindo gesto que está chamando a atenção de muita gente. 

No dia seguinte, Richard voltou para pagar a conta e dar um gorjeta aos funcionários do estabelecimento. "Eu tinha que pagar a minha conta. Além disso, não demos uma gorjeta aos funcionários e eles cuidaram da gente enquanto deveriam cuidar deles mesmos", afirmou ao BuzzFeed. "Tivemos uma refeição ótima e eu quero o resto do meu prato principal", brincou. 

Ele também afirmou que vai manter o Borough Market como um dos pontos favoritos dele em Londres, mesmo após o atentado, que deixou sete mortos e pelo menos 48 feridos. "Esse tipo de gente não pode vencer. Londres é a melhor cidade do mundo e o Borough Market é um dos meus lugares favoritos da melhor cidade do mundo. Não vou deixar atos bárbaros de pessoas covardes minimizarem isso". 

Richard acrescentou ainda que não deixará o medo tomar conta de sua rotina. "Se eles [os extremistas] têm um problema comigo tomando um gim e tônica com meus amigos e sendo gay, então preciso continuar com isso. Se isso é tão absurdo para essas pessoas, então boa sorte para elas", diz. 

Em um tuíte publicado no domingo, 4, Richard exalta seu afeto pela cidade. "Quero dizer: amo Londres, londrinos e os servidores públicos que correram para o perigo. Como os habitantes de Manchester dizeram, é a nossa vez de mostrar o melhor da Grã-Bretanha".