Hospital promove encontro entre crianças e cães com deformações craniofaciais

Redação - O Estado de S.Paulo

Clínica veterinária Penn Vet e o Hospital Infantil da Filadélfia realizam o evento anualmente

Encontro ocorre anualmente há quatro anos

Encontro ocorre anualmente há quatro anos Foto: Facebook/ PennVetSchool

O Hospital Infantil da Filadélfia realizou no último sábado, 3, um encontro entre crianças e cães com deformações craniofaciais. O evento Best Friends Bash ocorre anualmente, é a quarta edição e a ideia é criar uma conexão entre os pequenos e os pets. 

"Você não tem que se preocupar com as aparências", disse Mary Elena, de 10 anos, em um vídeo feito durante o encontro. 

O evento foi no Penn Vet’s Hill Pavilion, um espaço veterinário. Lá, as crianças e os cães se conheceram e brincam juntos durante três horas. 

"Você pode ver as coisas diferentes pelas quais eles passaram e se identificar", disse a menina. "Há um cão que passou por uma cirurgia por lábio leporino e fenda palatina e eu passei por uma cirurgia de displasia frontonasal." Mary Elena ainda falou que acha incrível e divertido aprender com os cães. 

Dan, de 18 anos, disse que os cachorros passaram pelas mesmas coisas que os pacientes, com a diferença de que ninguém cuidou deles. "Eles sabem como viver o aqui e o agora. Me mostra que eu não estou sozinho e me lembra de continuar firme", opina. 

Maria Soltero-Rivera, professora assistente adjunta de odontologia e cirurgia dentária da clínica veterinária, afirma que é uma maneira de ensinar às crianças o que é resiliência e mostrar que o diferente também é bom. "E podemos fazer isso sem falar nada, pela interação entre crianças e cães."