Homem cuida de gato desaparecido de vizinho por 5 dias pensando que fosse o seu

Redação - O Estado de S.Paulo

Ele chegou a dar remédios pela mudança no comportamento do animal, até que sua verdadeira gatinha simplesmente reapareceu, desfazendo o mal entendido

Gato preto (imagem ilustrativa)

Gato preto (imagem ilustrativa) Foto: Pixabay / @Quark_Visual

Uma história para lá de inusitada foi compartilhada por um neozelandês chamado Clarke Gayford no Twitter: um de seus amigos confundiu sua gatinha preta com outro animal e manteve-o em sua casa por dias, dando até remédios pela mudança repentina em seu comportamento.

Tudo começou quando ele estranhou a forma como a gata estava agindo e resolveu levá-la ao veterinário, que indicou medicamentos para tratar a ansiedade do animal, no valor de 130 dólares neozelandezes - o equivalente a quase R$ 300! Ele fez questão de deixá-la em seu quarto por cinco dias para que houvesse uma plena recuperação. 

Em um desses dias, seu vizinho foi até sua casa para perguntar se ele havia visto seu gato preto, macho, que estava perdido. O rapaz então respondeu que apenas a sua gatinha estivera lá.

Dias depois, sua gatinha simplesmente reapareceu na casa, evidenciando a confusão. Gayford se revelou surpreso com o fato de que nem seu amigo nem o médico perceberam a diferença no sexo entre os animais.

Posteriormente, ele mostrou uma captura de tela de uma conversa em que o vizinho revela que seu gatinho não pareceu se traumatizar por ter ficado tanto tempo preso longe de casa. E também comenta: "Até agora, ele tem ficado a maior parte do tempo em meu colo, dando uma pausa nas brincadeiras. Então, ele está realmente bem, obrigado".

Será que o intervalo nas brincadeiras tem a ver com os remédios para ansiedade que ele tomou?

Confira abaixo a sequência de tweets original: