Gansa demora três meses para deixar local em que parceiro foi morto

Redação - O Estado de S.Paulo

Juliet se recusou a sair do estacionamento em que seu companheiro foi atingido por um carro

.

. Foto: fill/Pixabay

Nos últimos três anos, Juliet e sua família viviam em um estacionamento de um shopping em Atlanta, na Geórgia. Mas, infelizmente, ela perdeu seu parceiro após um atropelamento no começo desse ano.

Quando os filhotes seguiram seu caminho, Juliet simplesmente não conseguia deixar o local e por lá permaneceu durante três meses. Mas ela não foi a única a sofrer com o coração partido. Os funcionários que trabalhavam nas lojas ao redor do ninho observavam o cotidiano da gansa, que só andava de um lado para o outro da calçada. O gerente do shopping pediu para que seus funcionários não alimentassem ou dessem água a Juliet na esperança de que ela deixasse o local. Mas mesmo assim ela se recusou.

No início deste mês, Juliet foi resgatada pelo Instituto de Resgate de Animais Selvagens de Atlanta (AWARE) e está em processo de recuperação. Scott Lange, diretor executivo do instituto, conta que a gansa já foi apresentada a um possível parceiro e que, se eles continuarem se aproximando, poderão ser liberados juntos.