Uma sala difícil de resolver

Marcelo Lima - O Estado de São Paulo

Mas que acabou ficando mais leve e arejada no projeto da arquiteta Patricia Martinez, construído com base em materiais naturais e tons terrosos

A arquiteta paulistana Patricia Martinez

A arquiteta paulistana Patricia Martinez Foto: Lufe Gomes/Divulgação

Um projeto mais arejado, com base em materiais naturais e tons terrosos: eis a sugestão da arquiteta Patricia Martinez para atender a um casal às voltas com a decoração de sua sala. Tem também alguma dúvida em casa? Mande sua solicitação para meuprojetonocasa@estadao.com.

PERGUNTA

Amamos nossa casa, mas nossa sala de estar acabou se convertendo em um verdadeiro pesadelo para nós. Após muitas tentativas, decidimos “ancorar” os móveis na lareira, mas há um grande espaço inutilizado na parede oposta à ela, que hoje é preenchido por um aparador. Tentamos subdividir o ambiente em espaços menores, criando um bar, um home theater, mas odiamos o resultado. Compramos a casa há 10 anos, e tudo nela fomos nós que fizemos: dos interiores aos jardins. Porém, neste caso, acreditamos que a dificuldade supera nossa capacidade. Atualmente a decoração do ambiente gira em torno de natureza, com cores e objetos em tons terrosos, porém somos ecléticos! Adoramos misturar peças rústicas e modernas. Contamos com vocês.

Fábio Ely Benseñor e Eunice Furlan

Carapicuíba - SP

A planta da sala redesenhada pela arquiteta Patricia Martinez

A planta da sala redesenhada pela arquiteta Patricia Martinez Foto: Lufe Gomes/Divulgação

RESPOSTA

Olá Eunice e Fabio. Será um prazer ajudá-los! Nem penso que vocês precisem de uma grande reforma. Living e home theater podem dividir o mesmo ambiente, mas, para tanto, sugiro demolir as paredes ao lado da lareira e do hall. Assim, a sala ficaria mais ampla e agradável. Manter a lareira é interessante, porém com um projeto mais moderno, horizontal e longilíneo. A parede da lareira ficaria muito bem revestida com uma pedra, como o arenito, mantendo a proposta decorativa de natureza com tons terrosos. Na mesma linha, o piso de porcelanato poderia ser trocado por placas cimentícias. Como mobiliário, sugiro um confortável sofá em L, indicado para uso tanto na sala de estar, como no home theater. Como peças de apoio, poltronas com acabamento de couro, madeira, palha, mesinhas de centro e um aparador para o hall de entrada, de madeira maciça. Para finalizar, opte por cortinas de gaze de linho para permitir a entrada de luz e manter a privacidade, e arremate o “decor” com plantas e um grande tapete de fibras naturais.

Perspectiva da sala com sofá em formato L, para utilização simultânea, no estar e no home theater

Perspectiva da sala com sofá em formato L, para utilização simultânea, no estar e no home theater Foto: Lufe Gomes/Divulgação

A parede da lareira existente no imóvel recebeu revestimento de arenito no projeto de Patricia

A parede da lareira existente no imóvel recebeu revestimento de arenito no projeto de Patricia Foto: Lufe Gomes/Divulgação