Inspiração na botânica

Natália Mazzoni - O Estado de S.Paulo

Marina Barbato usa paixão pela botânica para criar

Marina Barbato se inspira na natureza para criar estampas

Marina Barbato se inspira na natureza para criar estampas Foto: Filipe Araújo/Estadão

Foi no estágio que fez com a estilista Adriana Barra que Marina Barbato, de 33 anos, se apaixonou por estampas. Formada em Desenho Industrial pela Faap e em design gráfico pela Parsons School of Design, de Nova York, Marina desenha à mão usando aquarela, guache, lápis de cor e canetas, para só depois digitalizar e finalizar as estampas, vendidas pelo Estúdio Vermelho e também feitas sob encomenda por marcas de roupa. Sua maior inspiração, a natureza, aparece em quase tudo o que cria. “Sou apaixonada por ilustrações de botânica. É um trabalho lento, detalhista. É meu estilo preferido, mas também crio a partir de briefings de clientes”, conta. Para o Estúdio Vermelho, a designer já assinou o papel de parede Floreira, que reveste a parede da casa onde mora. A estampa batizada de Éden, feita para a La Estampa, também é outra de suas preferidas. “Criei pensando em algo totalmente lúdico, mas de um jeito sutil, leve e adulto.”