Espaços projetados para negócios e lazer também concorrem ao Prêmio CASA

Marcelo Lima - O Estado de S.Paulo

Ambientes diferenciados fazem parte do roteiro da Casacor 2017 e disputam prêmio de Melhor Espaço Comercial

Bares, lojas, cafés. Espaços criados para propiciar bons negócios, ou agradáveis experiências de lazer, também compõem o roteiro da Casacor 2017. E, igualmente, concorrem ao Prêmio CASA de Melhor Espaço Comercial, com votação restrita ao júri técnico: Clarissa Schneider, Gianfranco Vannucchi, Roberto Dimbério, Eduardo Fernandes e Zanini de Zanine.

 

O Restaurante, de Patrizia Genovese e Guilherme Longo.

O Restaurante, de Patrizia Genovese e Guilherme Longo. Foto: Zeca Wittner/Estadão

 

Um voto que, no entender da diretora superintendente da mostra, Lívia Pedreira, exige atenção redobrada. “Como nos ambientes residenciais, o fator estético e o número de soluções originais contam pontos. Mas, mais do que nunca, a adequação entre programa e resultados é fundamental. Haja vista que a maioria destes espaços está em pleno funcionamento”, comenta ela. 

 

Assim, um passeio pelos ambientes previamente selecionados pela curadoria do prêmio tem início com o Bar do Jardim, de Marcos Caracho, que investiu em geometria purista e alta tecnologia na concepção do espaço. Logo ao lado, fica a Casa de Vidro Renault, de Alexandre Dal Fabro, um projeto multifuncional, voltado para o dia a dia dos profissionais urbanos.

Na sequência, vale uma parada na Tartuferia de Gustavo Jansen, que privilegia acessórios vintage e elementos rústicos. O giro pelas instalações comerciais continua com o Café do Saber, assinado pelo grupo Sopro (Ana Dora Fortes Buss, Alan Freitas de Carvalho e Breno Felisbino da Silveira), um espaço de reunião flexível, pensado para sediar palestras e workshops durante a duração do evento. 

O tour prossegue pela Loja dos Cristais, de Jayme Bernardo, um espaço com iluminação rebaixada, que joga com planos alternados de luz e reflexão. A poucos passos dali, o Café Experiência, de Marilia Pellegrini, celebra a bebida ancestral, em uma ambientação com detalhes campestres, que remete à época de ouro do cultivo no Brasil. 

Próxima parada, o Restaurante, de Patrizia Genovese e Guilherme Longo, embarca em uma atmosfera retrô-chic. Já a Boulangerie, de Alessandra Castro, toma por inspiração a azulejaria de Portugal, com direito a ladrilhos hidráulicos e estampas florais. O passeio continua na Loja MMartan / Casa Moysés, da TresZeroSete (André Britto, Caio Ferraz e Kamal Yazbek), que convida o público a participar de uma viagem sensorial com base na tecnologia.

Por fim, não esqueça de conferir a Loja Casa Cor, de Marton Estúdio, uma experiência de varejo inspirada nas lojas de museus ao redor do mundo, e também de visitar nosso site, (e-mais.estadao.com.br/casa-decoracao), onde você pode escolher o seu sonho de sala, quarto, cozinha, banheiro e jardim: categorias abertas à votação pública.