Como implantar um home office no seu apartamento

Marcelo Lima - O Estado de S. Paulo

Arquiteto Nildo José transforma antigo quarto de serviço em escritório para trabalhar em casa

Vista superior do home office implantado pelo arquiteto no antigo quarto de serviço

Vista superior do home office implantado pelo arquiteto no antigo quarto de serviço Foto: Estúdio Nildo José

Implantar um home office no antigo quarto de serviço do apartamento. Era este o desejo do leitor, que teve seu projeto desenvolvido pelo arquiteto Nildo José. Tem alguma dúvida de decoração? Mande sua solicitação para: meuprojetonocasa@estadao.com.

PERGUNTA

Meu nome é Miguel Gomes e gostaria de instalar um home office em meu apartamento. Ele tem 3 dormitórios e estamos esperando nosso segundo filho. Trabalho com tecnologia da informação e hoje tenho apenas uma escrivaninha para acomodar meu PC desktop e meu notebook. Tenho a intenção de adaptar o que seria o quarto cômodo da casa, o quarto da empregada, para a função. Estou buscando uma solução versátil, pois ora vou trabalhar com o desktop, ora com o notebook. Outro item a ser observado são os fios. Por mais que vivamos em um mundo wireless, eles ainda fazem parte da minha vida e precisam estar devidamente escondidos. Reconheço que o espaço é pequeno, mas meu sonho é poder adentrar meu escritório e me sentir em um outro ambiente, desconectado de todos os demais. 

Miguel Gomes

Tatuapé, São Paulo

Acima da bancada de trabalho, o arquiteto sugere um revisteiro e uma prateleira em "L"

Acima da bancada de trabalho, o arquiteto sugere um revisteiro e uma prateleira em "L" Foto: Estúdio Nildo José

RESPOSTA

Oi Miguel. Com o aumento do número de diaristas, tenho verificado que o antigo “quarto de serviço” vem ganhando novos usos, mais adaptados às realidades de cada morador. Um ponto positivo de fazer um escritório nesse cômodo é que, geralmente, é mais isolado das áreas sociais da casa, o que garante certa privacidade. Me parece que você quer evitar que o ambiente fique com cara de escritório. Sendo assim, começaria por revesti-lo com um piso laminado com textura de madeira. No mesmo padrão, eu revestiria também as paredes, transformando o espaço em uma caixa de madeira, para reforçar a sensação de conforto e acolhimento. Para acomodar todo seu equipamento criamos uma generosa bancada em "L", com gavetas inferiores organizadoras. Sob essa bancada, um gaveteiro volante também ajudará no armazenamento de itens como fios, pen drive e CDs. Em relação a fiação, embutiremos por uma espécie de fundo falso na própria bancada, deixando-os invisíveis, por último, para tomadas de uso frequente, criaremos uma canaleta elétrica com fácil acesso sob a bancada, para carregar celulares e tablets, por exemplo. Penso também ser importante controlar a entrada de luz natural para evitar reflexo na tela. Sendo assim, sugerimos a instalação de uma persiana de madeira no mesmo padrão que for usado para revestir o piso, a parede e o forro.